• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ex-espião russo envenenado por agente neural recebe alta na Grã-Bretanha

  • COMPARTILHE
Geral

Ex-espião russo envenenado por agente neural recebe alta na Grã-Bretanha

O ex-espião russo Serguei Skripal recebeu alta do hospital nesta sexta-feira, 18, na Grã-Bretanha. Ele ficou internado por dois meses, depois de ser envenenado por um agente neural. Skripal, de 66 anos, e sua filha Yulia Skripal, de 33 anos, foram encontrados inconscientes em Salisbury e ficaram semanas em condições críticas.

"Conseguimos dar alta a Serguei Skripal", disse a diretora de enfermagem do Hospital Distrital de Salisbury, Lorna Wilkinson. "Esta é uma etapa importante de sua recuperação, que agora será realizada fora do hospital."

Skripal é um ex-oficial de inteligência russo que foi condenado por atuar como agente duplo para a Grã-Bretanha. Ele se mudou para Salisbury, a 145 quilômetros de Londres, em 2010, como parte de uma troca de prisioneiros.

Autoridades britânicas afirmam que os Skripal foram envenenados com o agente neural militar Novichok e que a Rússia era responsável pelo ataque. O governo russo nega as acusações. O envenenamento provocou uma crise diplomática aos moldes da Guerra Fria entre Rússia e o Ocidente, incluindo a expulsão de diplomatas de ambos os lados envolvidos na questão.

A Organização para a Proibição de Armas Químicas (Opaq) confirmou que Skripal e Yulia foram envenenados com Novichok, uma substância desenvolvida pela então União Soviética. O Kremlin diz que não é possível comprovar que a substância tóxica foi de fato produzida. Fonte: Associated Press.