• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Greve dos caminhoneiros afeta operações dos Correios

  • COMPARTILHE
Geral

Greve dos caminhoneiros afeta operações dos Correios

A empresa conta com 25 mil veículos do tipo, os principais afetados pelos protestos, e também com 1.500 linhas terrestres e 11 linhas aéreas

A paralisação dos caminheiros iniciada na última segunda-feira (21) também afetou as operações realizadas pelos Correios. Com isso, as entregas de produtos comprados online no Brasil ou fora do país podem atrasar.

Em notas, a empresa anunciou a suspensão da postagem de encomendas com data marcada (os Sedex 10, 12 e Hoje) e um aumento de cinco dias úteis no prazo de entrega das outras modalidades, como de serviço internacional, Sedex e PAC.

De acordo com os Correios, as paralisações afetam especialmente os veículos usados para fazer as entregas por terra. A empresa conta com 25 mil deles, os principais afetados pelos protestos, e também com 1.500 linhas terrestres e 11 linhas aéreas.

Greve dos Caminhoneiros 

Os caminhoneiros iniciaram as manifestações há dois dias, fechando rodovias em todo o Brasil em protesto aos aumentos sucessivos no preço do diesel. 

Confira a nota dos correios: 

Toda a logística brasileira está sendo prejudicada pela paralisação nacional dos caminhoneiros iniciada nesta segunda-feira (21). O movimento tem gerado forte impacto às operações dos Correios em todo o país. Diante desse cenário, estão temporariamente suspensas as postagens das encomendas com dia e hora marcados (SEDEX 10, 12 e HOJE). Os Correios continuam aceitando postagem de SEDEX e PAC, no entanto, enquanto perdurarem os efeitos desta greve, haverá o acréscimo de dias no prazo de entrega dessas encomendas, bem como das correspondências.

Os Correios estão acompanhando os índices operacionais de qualidade de toda essa cadeia logística e, tão logo a situação do tráfego nas rodovias retorne à normalidade, a empresa reforçará os processos operacionais para minimizar os impactos à população. A empresa entrega, mensalmente, cerca de meio bilhão de objetos postais, dentre eles, 25 milhões de encomendas. São mais de 25 mil veículos, 1.500 linhas terrestres e 11 linhas aéreas que circulam pelo país de norte a sul.