• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Sob forte emoção da mãe, irmãos mortos carbonizados são enterrados em Linhares

Morte irmãos carbonizados

  • COMPARTILHE
Geral

Sob forte emoção da mãe, irmãos mortos carbonizados são enterrados em Linhares

A pastora Juliana Salles, mãe dos irmãos Joaquim e Kauã, se emocionou durante o sepultamento dos filhos e precisou sair carregada do local por familiares.

O sepultamento dos irmãos foi acompanhado por familiares, amigos e membros da igreja. | Foto: Arleson Schneider 

Por volta das 09h desta quinta-feira (10), os irmãos Joaquim Alves Sales, de 3 anos, e Kauã Sales Burkovsky, de 6, foram sepultados no cemitério São José, localizado no bairro Interlagos, em Linhares. A pastora Juliana Salles, mãe dos irmãos, chegou ao local por volta de 08h55 em um veículo preto, acompanhada de amigos. 

Durante o sepultamento, que durou aproximadamente cinco minutos, Juliana se emocionou e gritou grande parte do enterro. A pastora chamava pelos filhos e chorou muito durante todo o tempo que ficou próximo ao túmulo. Ao fim, a pastora teve que sair amparada por familiares e amigos do local. 

A todo o momento, viaturas da Polícia Militar acompanharam a movimentação no cemitério. O pedido de escolta foi feito pela mãe dos irmãos, Juliana Salles, e atendido pela PMES. Familiares, amigos e membros de uma igreja também acompanharam o sepultamento. 

Juliana Salles, mãe dos irmãos, se emocionou e foi amparada por familiares. Veja o vídeo:

O incêndio que matou Joaquim e Kauã aconteceu na madrugada do dia 21 de abril, na casa da família. O pastor George Alves, pai e padastro das crianças, era o único que estava na casa no momento e disse ter tentado salvá-los.

Os corpos dos irmãos Joaquim e Kauã chegaram ao município de Linhares ainda na madrugada desta quinta-feira. Por volta de 08h15, os corpos dos irmãos foram encaminhados para os carros da funerária. Às 08h20, os veículos saíram com destino ao cemitério onde será realizado o sepultamento. 

No início da manhã desta quinta-feira, por volta das 07h30 da manhã, a movimentação era pequena em frente a funerária onde os corpos passaram a madrugada. Um grupo de amigos do pastor George Alves, pai e enteado das crianças, foi até o local entregar fotos dos irmãos. 

Ausência do pastor

O pastor George Alves, pai de Joaquim Alves Sales, de 3 anos, e padrasto de Kauã Sales Burkovsky, de 6, não compareceu ao sepultamento em Linhares. 

Nesta quarta-feira (09), a advogada da família Taycê Aksacki Wagmacker. disse, em entrevista, que o pastor tinha o desejo de acompanhar. "Ele também está sofrendo muito, assim como todos nós, que estamos aqui nessa expectativa. A gente nem sabe dizer ainda se o próprio pai vai poder vir e enterrar as crianças. O desejo dele é de vir", revelou a advogada em entrevista ao site Norte Notícia.

Com informações do repórter Arleson Schneider