• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Guarapari tem trecho mais perigoso do país entre as rodovias federais

  • COMPARTILHE
Geral

Guarapari tem trecho mais perigoso do país entre as rodovias federais

O estudo “Acidentes Rodoviários e a Infraestrutura”, feito pela CNT, foi divulgado nessa segunda-feira (04) e avaliou 4.571 trechos de até 10 km.

Carolina Brasil

Redação Folha da Cidade
O acidente, que aconteceu em 22 de junho de 2017, deixou 21 mortos.

Um levantamento feito pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) concluiu que o trecho da BR 101, entre os quilômetros 343,1 e 353,1, dentro do município de Guarapari, é o mais perigoso do país, considerando o maior número de mortes em acidentes registrados em 2017.

No trecho de 10 km ocorreram 21 mortes e 14 acidentes no ano passado. Todas as vítimas fatais foram registradas em um único acidente, que envolveu duas ambulâncias, um ônibus e uma carreta. Na ocasião, foi considerada a maior tragédia rodoviária do Espírito Santo.

O estudo “Acidentes Rodoviários e a Infraestrutura”, foi divulgado nessa segunda-feira e avaliou 4.571 trechos de até 10 km em todo o Brasil. O Estado também está na sexta posição do ranking com outro trecho da BR 101 em Mimoso do Sul, com 13 mortes e 15 acidentes, seguido de Serra, na 13ª posição, com nove mortes apesar dos 134 acidentes registrados.

Na 35ª posição está um trecho da BR 262 em Iúna, 8 mortes e 8 acidentes; na 42ª colocação aparece a BR 101 em Viana, 7 mortes em 88 acidentes; e ocupando a 44ª posição também está a BR 101 em Ibiraçu, com 7 mortes e 36 acidente.

* Com informações da Confederação Nacional do Transporte