• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

OAB-ES cobra solução para o assassinato de advogado em Cachoeiro

  • COMPARTILHE
Geral

OAB-ES cobra solução para o assassinato de advogado em Cachoeiro

Fernando da Costa Ghio, de 35 anos, foi morto com um tiro na cabeça no último dia 14, no interior de seu veículo, na Rodovia do Contorno. Após duas semanas, o caso segue sob investigação da Delegacia de Crimes Contra a Vida

A Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Espírito Santo (OAB-ES) cobrou as autoridades de Cachoeiro uma resposta ao assassinato do advogado Fernando da Costa Ghio, de 35 anos, morto com um tiro na cabeça no interior de seu veículo no último dia 14, quando trafegava pela Rodovia do Contorno, em Cachoeiro.

O presidente da Seccional, Homero Mafra, esteve em Cachoeiro na noite da última quarta-feira (26), para participar da inauguração da biblioteca digital, que disponibilizará para a advocacia o acervo de obras jurídicas, e a entrega das carteiras da OAB para 24 novos profissionais. De forma dura, ele cobrou as autoridades da segurança pública de Cachoeiro uma solução para o assassinato.

"Que se apontem os assassinos de Fernando. Que não permaneça impune a morte de um advogado. É preciso uma apuração mais rápida, mais célere e real. Precisamos apontar para a sociedade aquele ou aqueles que tiraram a vida do advogado. Precisamos de cobrar isso", disse Homero Mafra.

O assassinato do advogado é investigado pela Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Cachoeiro. No dia do crime, o delegado Guilherme Eugênio chegou a afirmar que a polícia já tinha uma linha de investigação estabelecida, mas que não poderia entrar em detalhes para não atrapalhar as investigações. A motivação e a autoria do crime ainda não foram revelados.