• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Início das obras de revitalização interdita Praça do Cauê neste fim de semana

  • COMPARTILHE
Geral

Início das obras de revitalização interdita Praça do Cauê neste fim de semana

De acordo com a prefeitura, a intenção é tornar o espaço mais acolhedor. Projeto contempla a manutenção das quadras, ajustes nos jardins e melhorias na disposição dos espaços de caminhadas

A praça do Cauê, em Santa Helena, está interditada para uso nestes sábado (19) e domingo (20), quando equipes da Central de Serviços e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Serviços (Semmam) estão trabalhando na primeira ação de revitalização do espaço, com a demolição dos muros e gradis.

Entre outras melhorias, o espaço vai ganhar caminhos para melhorar a circulação de pedestres, rampas de acessibilidade e novo paisagismo.

A meta é deixar tudo limpo e as ruas desobstruídas para o retorno da rotina já nesta segunda-feira (21), quando o tráfego de veículos é intenso nas ruas do entorno da praça.

Espaço mais humano e acolhedor

A Prefeitura de Vitória desenvolveu um projeto para tornar o espaço mais humano e acolhedor para os moradores. Ele contempla a manutenção das quadras de tênis e poliesportivas cercadas, ajustes nos jardins, além da disposição de espaços de caminhadas.

De acordo com o secretário da Central de Serviços, Leonardo Gonçalves, a proposta é que a praça vire um espaço de convivência de famílias. "Queremos que a comunidade use esse equipamento com mais facilidade e qualidade, permitindo que as pessoas não precisem mais contornar a praça ao passar a pé por aqui".

"Essas ações vão humanizar esse ambiente, permitindo a melhor circulação das pessoas. É uma intervenção que atende ao desejo da cidade de ver a praça do Cauê, que está no coração da cidade, ainda mais bonita", afirmou a secretária de Desenvolvimento da Cidade, Lenise Loureiro.

Linha direta

A Prefeitura de Vitória ainda tem o projeto de fazer uma linha direta entre a avenida Reta da Penha e a praça do pedágio da Terceira Ponte. No entanto, a proposta ainda será debatida com a comunidade. Para melhorar o trânsito na região, a administração municipal implantou a linha verde na avenida Desembargador Santos Neves, retirando os ônibus de circulação na praça.

"Com a linha direta na praça, haveria ganho de espaço físico e dois espaços com mais equipamentos e uma área ainda maior para convivência e utilização", ressaltou o secretário Leonardo Gonçalves.

Nome

A praça do Cauê foi planejada pelo engenheiro Saturnino de Brito, dentro do projeto Novo Arrabalde, que planejou o crescimento da cidade para o norte, na Região da Praia do Canto. Não há uma data de fundação desse espaço. Mas, nos arquivos municipais, há registros dessa praça na década de 1920. Em 1948, o nome da praça, instituído pela Lei 21, foi Benjamin Constant. Em 2007, a lei 7.053 alterou para Cristóvão Jacques.