• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Taxa para quem não fez ligação à rede de esgoto será cobrada a partir de novembro no ES

  • COMPARTILHE
Geral

Taxa para quem não fez ligação à rede de esgoto será cobrada a partir de novembro no ES

A população que morar próximo à uma rede de esgoto e ainda não tiver feito a ligação pode ser cobrada

Moradores do Espírito Santo que ainda não fizeram ligação à rede coletora de esgoto terão que pagar uma taxa de disponibilidade a partir do mês de novembro. Essa medida não vale apenas para os municípios onde a Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan) presta serviço, mas para todo o Estado.

Saiba tudo sobre a tarifa de esgoto e tire dúvidas!

“Essa tarifa foi estabelecida em uma lei de fevereiro de 2016. É uma tarifa de caráter pedagógico. Não adianta a Cesan e outras empresas de saneamento fazerem esse investimento para coletar e tratar o esgoto, e os clientes deixarem de realizar a ligação à rede. As tarifas têm preços variados, assim como a da água. Ou seja, quem consome mais, vai pagar um valor maior. Por isso, não dá para dizer quanto cada um vai pagar ”, disse José Eduardo Pereira, diretor administrativo e comercial da Cesan.

Tarifa de água e esgoto terá reajuste

A Agência de Regulação dos Serviços Públicos do Espírito Santo (ARSP) publicou, no dia 21 de julho, as novas tarifas dos serviços de água e esgoto.

O reajuste será de 4.18% e entra em vigor a partir do dia 21 de agosto, obedecendo ao prazo mínimo de 30 dias de antecedência, conforme determina a Lei Federal 11.445/07, que estabelece as diretrizes nacionais para a prestação dos serviços de saneamento básico, e a Lei 9.906/08, que estabelece a Política Estadual de Saneamento Básico.

Esse índice será aplicado de forma linear a todas as categorias de consumidores da Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan) e segue a metodologia aprovada Resolução nº 012/2011. A proposta do reajuste foi submetida a uma Consulta Pública no mês de junho e todas as contribuições recebidas foram consideradas tecnicamente pela ARSP na elaboração da versão final da resolução. Além disso, passou pela apreciação do Conselho Consultivo, órgão colegiado cuja composição constam representantes do poder concedente e dos movimentos sociais.

A ARSP recomenda ainda aos usuários que continuem seus esforços em prol do uso racional de água e convida os beneficiários dos programas Bolsa Família, Bolsa Capixaba, Benefício de Prestação Continuada - BPC e Minha Casa, Minha Vida – Faixa 1 a requererem o benefício da Tarifa Social em um escritório de atendimento presencial da Cesan. A tarifa social é um benefício, em forma de desconto, de até 60%, que incide sobre as tarifas de água e esgoto dos imóveis classificados na categoria Residencial.

Assista