• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Sindirodoviários convoca assembleia para decidir sobre greve por atraso de pagamento

  • COMPARTILHE
Geral

Sindirodoviários convoca assembleia para decidir sobre greve por atraso de pagamento

A convocação foi feita nesta sexta-feira pelo presidente do sindicato, Edson Bastos. Assembleia será realizada na próxima terça-feira

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Espírito Santo (Sindirodoviários) convocou os trabalhadores para votação de uma greve da categoria, em uma assembleia a ser realizada na próxima terça-feira (31) no Clube Náutico Brasil, em Vitória. A convocação foi feita nesta sexta-feira (27) pelo presidente do Sindirodoviários, Edson Bastos.

Segundo Edson, os motivos do movimento são constantes atrasos nos pagamentos de salários e adiantamentos salariais pelas empresas de transporte coletivo. "Será deliberada pela categoria a autonomia ao sindicato para iniciar movimento em caso de atrasos. Já temos atrasos de 7 dias, pois ao adiantamento deveria ter saído no último dia 20 e só foi pago hoje", diz.

"O trabalhador tem contas a prestar como aluguel e cartões de crédito que cobram juros por atrasos. Nós entendemos que há uma dificuldade, mas temos nossos compromissos e queremos receber, pois fizemor por onde", acrescenta.

O presidente do sindicato explica como são feitos os pagamentos à categoria. "Nós temos em convenção coletiva que o adiantamento de 40% do salário sai no dia 20 de cada mês, o ticket no 5º dia útil e o restante no dia 7. Se os valores forem pagos nesses dias, não haverá paralisação".

Bastos afirma que se iniciada a greve por parte da categoria ela será por tempo indeterminado. "Se houver atraso a greve vai iniciar e só vai acabar quando o pagamento sair. Fecharemos os portões dos terminais. Porém, quando os valores entrarem, nós voltaremos a circular normalmente", fala Edson.

GVBus

A reportagem tentou contato com o Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória (GVBus), que representa 11 empresas operadoras do Sistema Transcol, para falar sobre o assunto, mas não obteve retorno até o fechamento da matéria.

Reportagem: Breno Ribeiro