• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Veterinária encontra família de gata resgatada com queimaduras de acidente em Viana

  • COMPARTILHE
Geral

Veterinária encontra família de gata resgatada com queimaduras de acidente em Viana

O acidente ocorreu na última quarta-feira (11) e o animal foi retirado com vida de um dos nove carros envolvidos na tragédia pelo Corpo de Bombeiros

A gatinha resgatada de um dos carros envolvidos na tragédia que matou quatro pessoas e feriu cinco na BR 101, no município de Viana, teve a origem desvendada pela veterinária que a adotou. O acidente ocorreu na última quarta-feira (11) e o animal foi retirado com vida de um dos nove carros envolvidos na tragédia pelo Corpo de Bombeiros.

Depois de muitas buscas, a veterinária Noely Godoi conseguiu descobrir a origem da gatinha. O animal de estimação, que recebeu o apelido de 'Fenix' após a tragédia, na verdade se chama 'Solfie'. Ele pertencia ao casal luiz Marcelo Dantas e Penha Ferman, mortos no acidente.

A veterinária recebeu ligações de pessoas que conheciam o casal e de familiares. Luiz Marcelo e Penha eram de Colatina e estavam a caminho de Marechal Floriano para passar o feriadão, quando se envolveram no acidente.

Cuidados veterinários

Uma idosa que acompanhava o resgate levou o animal para casa, em Viana, e na sexta-feira (13) a gata começou a receber cuidados veterinários.

A protetora Lívia Guimarães, de 36 anos, foi até a casa da idosa acompanhada de uma veterinária determinada a oferecer o tratamento. "Vimos a reportagem dizendo que ela tinha sido resgatada e que tinha sido internada em uma clínica por um grupo de protetoras, entrei em contato e descobri que isso não era verdade", informou Lívia.

Após alguma insistência com a idosa que ficou com a gatinha após o resgate, a protetora conseguiu leva-la a uma clínica em Vila Velha. "Ela está com o rosto queimado e uma possível fratura na pata. Os olhos também estão bem feridos", descreveu.

A gatinha recebeu banho, soro e medicação para dor. Todo o tratamento foi oferecido pela veterinária Noely Godoi.