• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Familiares e amigos de Thayná fazem protesto e trânsito fica lento na BR 101, na Serra

  • COMPARTILHE
Geral

Familiares e amigos de Thayná fazem protesto e trânsito fica lento na BR 101, na Serra

Até agora, 16 denúncias sobre a possível localização do suspeito foram recebidas pela polícia, porém todas falsas

Familiares e amigos de Thayná Santos, de 12 anos, que desapareceu após entrar no carro de um homem no dia 17 de outubro realizaram uma manifestação na manhã desta quinta-feira (9), na BR 101, na Rodovia do Contorno, no município da Serra, pedindo ajuda para encontrar a menina. 

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o protesto começou por volta das 9 horas e os manifestantes fecharam o trânsito o sentido Viana x Serra. Segundo a PRF a manifestação foi encerrada por volta de 10 horas. 

Veja como está o trânsito na região!

Na última segunda-feira (06), um protesto foi realizado e os manifestantes fecharam o trânsito no sentido Centro da avenida x Getúlio Vargas.

Entenda o caso

Thayná saiu de casa a pedido da mãe para ir até um supermercado do bairro Universal, em Viana. Desde então, a menina não voltou. Imagens de videomonitoramento mostram a jovem entrando em um carro prata. Primeiro o motorista se aproxima da criança e os dois conversam por cerca de um minuto. Em seguida, a menina entra no veículo.

O condutor do carro, de acordo com a polícia, é Ademir Lúcio Ferreira Araújo. Ele tem passagem pela Justiça por homicídio, roubo e estelionato. Ele estava preso e saiu em liberdade em dezembro do ano passado.

Ademir é considerado pela polícia um homem perigoso, é investigado por vários crimes, incluindo a suspeita de ter cometido um estupro dias antes do desaparecimento de Thayná. Contra ele, existe um mandado de prisão temporária em aberto que foi expedido no dia 27 de outubro.

Desesperada, a mãe de Thayná descreve a filha como uma menina tranquila e que nunca se envolveu em confusão. Ela é dedicada e boa aluna na escola. A agonia não a abandona nem por um segundo. Por causa da ausência, até o emprego Clemilda perdeu. Mas, para ela, isso não importa. Ela só quer respostas.

A Polícia Civil pede ajuda à população. Qualquer informação sobre o suspeito é só ligar para o 181. De acordo com a PC, 487 pessoas desapareceram no Espírito Santo de janeiro a setembro deste ano. 411 pessoas foram encontradas.

Carro encontrado

A Polícia Civil localizou, na tarde da última segunda-feira (06), em Guarapari, o carro que teria sido utilizado por Ademir Lúcio Ferreira Araújo para sequestrar Thayná. Em imagens de câmeras de videomonitoramento, registradas no dia do sequestro, a jovem aparece entrando no veículo.  

Segundo a polícia, o carro estava em uma oficina mecânica em Guarapari e foi encaminhado para o pátio da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Vitória. 

Perícia

Na manhã da última terça-feira (07), o carro passou por uma perícia e os bancos traseiros foram retirados para que seja feita uma análise melhor do material. O resultado deve sair dentro de 30 dias. Dois mandados de prisão foram abertos contra Ademir, por suposto homicídio e suposto estupro.

Veja: