• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Doces de fim de ano: vilão para a saúde bucal

  • COMPARTILHE
Geral

Doces de fim de ano: vilão para a saúde bucal

O excesso de doces pode ser prejudicial para os dentes e gengiva. Veja como ter um sorriso saudável e fugir das cáries

Doces e guloseimas enchem as mesas dos encontros de amigos e familiares nas festas de fim de ano. Faltando menos de quinze dias para 2018, muita gente já está se adiantando e mal vê a hora de aproveitar para comer muitos durante essas datas comemorativas. 

Muitos cuidados devem ser tomados para que a saúde não seja prejudicada. Com todas essas delicias, o corpo e, principalmente, a boca podem ser refém de todas essas doçuras. De acordo com a dentista Cataria Riva, o excesso de doces pode ser prejudicial para os dentes e gengiva, porque se não tiver uma limpeza correta e constante, os resultados poderão ser cárie dentária, doença periodontal e possível perda de dente.

“A placa bacteriano se forma constantemente sobre os dentes e gengivas. Quando essas bactérias entram em contato com açúcar e amido dentro da boca, elas produzem ácidos que atacam os dentes por 20 minutos ou mais. Isso, se for repetido algumas vezes, pode levar a exaustão do esmalte dental e acabar ocasionando em cárie”, revela a especialista.

Catarina Riva ainda comenta que o perigo está naqueles alimentos que grudam mais facilmente nos dentes, como, por exemplo, bolo e balas de goma. “A quantidade de açúcar não é necessariamente o vilão, mas sim os alimentos que ficam presos entre os dentes e o tempo de intervalo entre uma escovação e outra, porque quanto mais se demora para retirar esses alimentos da boca, mais propenso de ter cáries”, ressalta.

Mas, para ter uma ceia sem neura, a dentista aconselha consumir alimentos açucarados junto com as refeições, porque a produção de saliva aumenta e ajuda a neutralizar a produção de ácidos e retirar as partículas de alimentos na boca. Além disso, é importante limitar os lanches entre as refeições, para que não tenha o risco de ficar algum resquício de comida nos dentes. Beber muita água ajuda a prevenir a cárie, em especial a que possui flúor e, é claro, escovar os dentes pelo menos duas vezes ao dia.