• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Monja Coen Roshi sobre 2018: ano de harmonia, respeito e fidelidade

  • COMPARTILHE
Geral

Monja Coen Roshi sobre 2018: ano de harmonia, respeito e fidelidade

A monja, considerada uma das mais importantes líderes do Budismo no Brasil, estará em Vitória exclusivamente para uma palestra do Grupo Buaiz

Harmonia, respeito e fidelidade. É isso que a monja Coen Roshi, missionária da tradição Soto Shu-Zen Budismo, espera para o próximo ano. No calendário chinês, 2018 tem como animal regente o Cão, que terá influência direta do elemento Terra. O que isso representa? Coisas boas!

Em entrevista exclusiva ao jornal online Folha Vitória, a monja, considerada uma das mais importantes líderes do Budismo no Brasil, explicou que no calendário, cada ano é representado por um animal. No caso do cachorro, o ponto mais forte é a fidelidade.

"O cachorro é fiel, serve o ser humano, é companheiro e tem amor incondicional. Espero que seja um ano de harmonia, respeito, de fidelidade. Ser fiel aos amigos, às causas, aos projetos, ao casamento e relacionamentos e com isso criar mais harmonia. Que possamos prosperar e juntos fazer do planeta um lugar em paz", diz Coen.

Autora dos livros "Viva Zen", "Sempre Zen", "Palavras do Darma ", "A Sabedoria da Transformação", "108 Contos e Parábolas Orientais", "O Monge e o Touro" e "O sofrimento é opcional", ela percorre o País compartilhando um pouco de seu conhecimento em palestras corporativas. A proposta, segundo ela, é cuidar do ser humano, independente de onde ele estiver.

"Independente se está em uma corporação ou no quintal de casa, tem que ser feliz. Se o local não está de acordo com os seus princípios, ou você modifica os princípios ou sai. Só não tem como ficar em um lugar que não é bom e que não te faz feliz. Quando você tem a leveza de saber que tem capacidade e que pode funcionar bem em qualquer outro lugar, você não tem medo. Quando não tem medo, produz melhor. A minha proposta é cuidar de ser humano, independentemente de onde estejam.", afirma.

Outro ponto fundamental dentro de uma organização, segundo ela, é a compreensão de que todo o trabalho é desenvolvido em equipe. Ela reforça também a importância de buscar saber sempre mais e dar o seu melhor.

"No momento em que tanto desemprego existe, se você tem um lugar que é reconhecido, que faça o seu melhor, seja correto e ético. . Procure desenvolver aptidões, não achar que sabe tudo, porque não trabalhamos sozinhos, estamos em equipe. Seja excelente e colabore", conclui.

Em tempos de tanta correria e dias cansativos, a principal dica da monja para manter a mente tranquila é bem mais simples do que parece: respirar!

"Quando as coisas nos incomodam a nossa respiração fica pulmonar e alta, então procure respirar. No carro, no trânsito, ao invés de ficar aflito, respire. Não estimule somente para o que é negativo, mas para o bem. Tenha intimidade com você, com sua mente, com seus sentimentos".

Evento
Nesta quarta-feira (20), a monja Coen desembarca em Vitória exclusivamente para ministrar a palestra "Como dar vida à nossa vida: os modelos mentais em transformação", promovida pelo Grupo Buaiz. 

O evento será destinado a gestores do grupo, parceiros e convidados e marca, além da comemoração dos 76 anos do grupo, a preparação e investimentos para 2018.