• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Mulheres que acusam Trump de assédio sexual pedem que Congresso investigue casos

  • COMPARTILHE
Geral

Mulheres que acusam Trump de assédio sexual pedem que Congresso investigue casos

O presidente negou as acusações e, durante a entrevista, a Casa Branca emitiu uma declaração chamando as queixas de 'falsas'

Três mulheres que acusaram publicamente o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de má conduta sexual pediram por uma investigação do Congresso americano sobre os casos. Jessica Leeds, Samantha Holvey e Rachel Cooks falaram, em entrevista, sobre suas interações com Trump no passado. O presidente negou as acusações e, durante a entrevista, a Casa Branca emitiu uma declaração chamando as queixas de "falsas".

O movimento vem poucos dias depois da embaixadora dos EUA na Organização das Nações Unidas (ONU), Nikki Haley, ter afirmado no domingo que mulheres que acusam alguém de má conduta sexual merecem ser ouvidas, mesmo que os casos envolvam autoridades, como Trump. "Eu sei que ele foi eleito, mas as mulheres sempre devem se sentir à vontade para avançar. E todos devem estar dispostos a ouvi-las", afirmou Haley à rede de TV CBS.

Em novembro, Trump foi eleito, apesar da revelação de uma gravação de 2005 em que ele fazia comentários obscenos sobre mulheres. Ele também recebeu acusações de abuso sexual por parte de outras mulheres. No domingo, Haley elogiou a coragem das mulheres que levantaram queixas de assédio em diversas ocasiões, incluindo contra políticos e contra figuras importantes de Hollywood, dizendo que isso irá levar consciência à situação. Fonte: Associated Press.