• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Verão deve ser marcado por calor, chuva e possibilidade de temporais no Espírito Santo

  • COMPARTILHE
Geral

Verão deve ser marcado por calor, chuva e possibilidade de temporais no Espírito Santo

Uma massa de ar seco deve causar semanas de chuva para os capixabas, mas o sol deve predominar na estação

Faltam poucos dias para o início oficial da estação mais quente do ano. O verão começa no dia 21 de dezembro e é um período muito aguardado pelos capixabas e turistas que querem aproveitar o período de descanso nas praias do Espírito Santo.

Nos últimos dias da primavera, o Estado está passando por um período chuvoso, comum para a época. De acordo com o Instituto Climatempo, o mês de janeiro ainda deve ser de chuva volumosa em grande parte do país, inclusive em solo capixaba.

No Espírito Santo, a previsão é de que haja uma massa de ar seco a partir da próxima semana, mas ainda deve haver pancadas de chuva, acompanhada de muito calor, em todo Estado. Também podem haver temporais neste período. As condições são típicas da época do ano.

Sobre a possibilidade de ocorrer mesma situação de 2013 no Espírito Santo, o meteorologista do Climatempo,  Alexandre Nascimento, explicou que, naquela época, foram registrados cerca de 700 milímetros de chuva concentrados em poucos dias, o que causou os transtornos. "Dessa vez teremos uma semana ou outra com risco de temporais, mas nada comparado a 2013. É uma previsão animadora para a recomposição dos reservatórios", disse.

Os capixabas devem ter um mês de janeiro marcado por pancadas de chuva em todo o Estado, mas com períodos de sol e calor. Em fevereiro, deve haver calor e chuvas isoladas de verão, o que deve se estender para a primeira quinzena de março.

Dentre as principais características da estação, o Climatempo destaca a grande possibilidade de alagamentos decorrentes das chuvas para todo o país, podendo haver granizo. Também nesta época, a sensação térmica se eleva, o que aumenta ainda mais o calor. No entanto, os reservatórios devem se recompor durante o período e pode haver aumento no nível dos rios, mas não há previsão que tudo volte 100% ao normal.

O verão vai até o dia 20 de março, quando começa o outono em todo o hemisfério sul do planeta.