• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Mãe e filho são presos suspeitos de matarem idosa a pauladas em Domingos Martins

  • COMPARTILHE
Polícia

Mãe e filho são presos suspeitos de matarem idosa a pauladas em Domingos Martins

Após assassinarem a vítima, eles e outro comparsa invadiram a casa onde ela morava em busca de objetos de valor

Mãe e filho foram detidos após prestarem depoimento sobre o caso

Dois suspeitos de assassinarem uma idosa de 74 anos foram presos em Domingos Martins. De acordo com a polícia, eles são mãe e filho. Ela, identificada apenas como Solange, tem 44 anos e é ex-funcionária da prefeitura do município, já o filho Felipe, de 20 anos, não trabalha. 

A polícia informou que eles estiveram na delegacia na última segunda-feira (5) prestando depoimento e o delegado optou por prender os dois. Outro jovem, identificado como Paulo Santos Goulart Junior, de 33 anos, conhecido como Paulinho, também é suspeito do crime, que aconteceu em uma região chamada de Jucu. 

A casa da vítima foi revirada

Depois de assassinarem a idosa, a polícia disse que eles entraram na casa da vítima e reviraram tudo em busca de objetos de valor. Para os policiais os suspeitos disseram que levaram apenas um celular e uma arma.

Mãe e filho eram vizinhos há muito tempo da idosa. A polícia explicou que para eles saírem de casa tinham até que passar dentro do terreno da vítima e conheciam a rotina dela. Foi aí que eles chamaram o outro suspeito, que é morador recente do local, para cometer o crime.

O filho da ex-funcionária da prefeitura teria distraído a idosa dizendo que os animais dela estariam soltos. Nesse momento o homem conhecido como Paulinho deu uma paulada nela, que ficou em pé novamente, mas recebeu novas pauladas até não resistir.

Paulinho é procurado pela polícia

O delegado Geraldo Peçanha explicou que os três esperavam encontrar na casa uma quantia em dinheiro. Foi o caseiro da propriedade quem encontrou a vítima morta no quintal, no dia seguinte, e alertou a polícia. "Informações anônimas deram conta de que essa família que era vizinha da vítima tinha uma rixa com a idosa e que poderia ser em razão disso. Era uma rixa banal por causa de plantação, animais. Um animal da família suspeita espantava os animais da vítima e ela teria demonstrado insatisfação", contou.

O delegado ainda está investigando se mais objetos de valor foram levados. O jovem de 20 anos já tem passagens pela Justiça de quando era adolescente por posse de drogas e por cárcere privado. O outro suspeito tem envolvimento com o tráfico de drogas em Viana. Ele foi expulso recentemente do município e estava morando em Domingos Martins. 

Paulinho chegou a se apresentar na delegacia no último sábado (3), confessou o crime, contou detalhes, mas acabou sendo liberado. Só depois disso o delegado optou pela prisão temporária de todos os envolvidos, mas ele fugiu e não foi encontrado.