Serra lidera ranking de furtos e roubos de carros no ES

Polícia

Serra lidera ranking de furtos e roubos de carros no ES

Um desses casos aconteceu no início do mês quando a vítima chegou para trabalhar na região de Civit 2, na Serra

Foto: Reprodução / TV Vitória

A insegurança nas ruas é um problema recorrente em todo o Espírito Santo, mas quando o assunto é número de furtos e roubos a carros, o município da Serra lidera o ranking. Um desses casos aconteceu no bairro Civit 2, quando o motorista teve o carro roubado no momento em que chegava ao trabalho.

De acordo com dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp), a vida dos motoristas da Serra têm sido difícil no que diz respeito à segurança. Só nos dois primeiros meses do ano, o município registrou 267 casos de roubo e furto, sendo que em todo o Espírito Santo foram 833 casos no mesmo período. 

O caso em Civit 2, na Serra, aconteceu no dia 3 de abril e a vítima foi surpreendida pelos criminosos logo após estacionar. O veículo, adquirido recentemente, não possuía seguro e além do trabalho a vítima conta que usava o carro para ajudar a mãe e a irmã.

"Além de eu usar o carro para as minhas coisas particulares e para o trabalho, eu tenho uma mãe que está com câncer e a gente usa o carro para levar ela na quimioterapia. Eu tenho uma irmã que também se encontra acamada, ela é especial, e dificultou bastante sem o carro", explicou a vítima.

A rápida ação dos criminosos foi registrada por uma câmera de videomonitoramento da região. Nas imagens é possível ver o momento que primeiro carro (da vítima), chega e estaciona atrás de um caminhão. Pouco tempo depois, um outro veículo também para próximo ao mesmo caminhão e dele saem dois homens.

A dupla de criminosos vai em direção ao carro da vítima e anunciam o assalto. Logo em seguida um dos criminosos volta para o veículo onde estava o terceiro comparsa. Por fim, a vítima consegue fugir, deixando o carro para um dos assaltantes e eles saem do local com os dois carros.

O jornalismo da TV Vitória/RecordTV já exibiu casos semelhantes. Um desses aconteceu em março quando uma médica foi assaltada quando chegava ao trabalho. O caso aconteceu em Bairro de Fátima, na Serra.

Sobre o caso do roubo em Civit 2, a vítima disse que pagou R$ 54.400 no veículo. A placa do carro é FNW9F12.

"Eu vendi um outro que eu tinha, depois juntei com algumas economias e consegui comprar este carro à vista. Ele estava quitado, mas ainda não tinha feito o seguro dele, eu estava providenciando", disse o proprietário.

* Com informações do repórter Matheus Brum, da TV Vitória/RecordTV