Adolescente envolvido em tiroteio que deixou 2 crianças feridas foi apreendido ao invadir casa de PM

Polícia

Adolescente envolvido em tiroteio que deixou 2 crianças feridas foi apreendido ao invadir casa de PM

O jovem e o comparsa invadiram o quintal da casa de um policial militar no bairro Tabuazeiro, em Vitória. Os suspeitos atiraram contra o PM, que revidou e acabou baleando o adolescente

Foto: Reprodução TV Vitória

O quintal da casa de um policial militar foi invadido por dois criminosos, neste domingo (27), no bairro Tabuazeiro, em Vitória. Um dos suspeitos chegou a disparar contra o militar, que revidou e acabou baleando um deles. 

A pessoa atingida, segundo a polícia, é um adolescente de 15 anos. Ele e o comparsa teriam ligação com um ataque realizado no bairro São José, também em Vitória. Um homem e duas crianças foram baleadas, na ocasião. 

LEIA MAIS: Duas crianças e um homem são baleados durante tiroteio em Vitória

O policial contou que percebeu que os suspeitos invadiram o quintal após ouvir os cachorros latirem. Ele olhou pela janela e viu os dois rapazes armados. O PM deu voz de prisão e, foi nesse momento, que o um dos criminosos atirou. 

Um rapaz fugiu e o outro acabou baleado na mão e na coxa. O policial acionou uma ambulância do Samu e o rapaz foi socorrido. Ele foi levado para um hospital de Vitória. Como o rapaz ainda estava consciente, ele conversou com o policial. O adolescente contou que havia saído do Morro da Conquista e seguia para o Morro do Macaco.

No entanto, na delegacia, os policiais encontraram um motorista de aplicativo que disse que teria pegado os dois rapazes no bairro da Penha, em Vitória, e seguiu em direção ao bairro São José. Quando chegou na região, os rapazes mandaram ele parar o carro e atiraram contra um rapaz. 

Durante o tiroteio, um homem e duas crianças foram baleadas. O homem não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada desta segunda-feira (27). Uma das crianças precisou passar por uma cirurgia. 

Ainda de acordo com o motorista de aplicativo, após o crime, os suspeitos obrigaram ele a dirigir até o Morro da Conquista, onde eles desceram e seguiram caminhando. 

O jovem ferido teria confessado que ele e o comparsa tentavam fugir pela mata em direção ao Morro do Macaco, onde iriam se esconder. Mas, no caminho, eles  acabaram se deparando com o policial.

Nesta segunda-feira (27), o policial disse para equipe de reportagem da TV Vitória/Record TV que está bem e não foi atingido por nenhum disparo. Ele precisou ir a delegacia para prestar depoimento sobre o caso.

A Polícia Civil informou que o adolescente foi autuado em flagrante por ato infracional análogo aos crimes de tentativa de homicídio qualificado e ameaça. Ele foi encaminhado ao Ciase. O caso segue em investigação. 

*Com informações da repórter Nathalia Munhão, da TV Vitória/Record TV.

LEIA TAMBÉM:

>> Salários de 'fantasmas' desviados por ex-funcionário da Santa Casa chegavam a R$ 80 mil

>> Mulher é agredida com barra de ferro e tem as duas mãos quebradas em Guarapari

>> Frentista é agredida por homem em posto de combustíveis