• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Polícia Civil afirma que jovem grávida foi morta por traficante em Gurigica

  • COMPARTILHE
Polícia

Polícia Civil afirma que jovem grávida foi morta por traficante em Gurigica

Marcos Batista de Souza, suspeito de efetuar o disparo, permanece foragido

Pâmela Vitório Rodrigues, 23, foi morta dentro de casa, em Vitória

A Polícia Civil concluiu o inquérito do crime que vitimou a jovem Pâmela Vitório Soares, de 23 anos, no dia 14 de agosto. Na ocasião a jovem - grávida de sete meses - foi atingida por um tiro dentro da própria casa, no bairro Gurigica, em Vitória. Ela foi socorrida e foi realizado um parto de emergência, mas o bebê também não resistiu. 

O suspeito de efetuar o disparo foi identificado como Marcos Batista de Souza, vulgo "Damião". De acordo com as investigações da Delegacia de Homicídios e Proteção a Mulher (DHPM), Damião estava em um ponto de venda de drogas que fica próximo a casa onde Pâmela vivia com a família. O suspeito teve uma discussão com um traficante de uma gangue rival e atirou contra ele algumas vezes. Um dos disparos acertou Pâmela, que estava dentro de casa e o traficante não foi atingido.

Marcos Batista de Souza, vulgo "Damião" está foragido

A justiça determinou a prisão temporária de Damião. Com o mandado de prisão em mãos, a polícia realizou uma operação, na tarde de última quarta-feira (10) com intuito de localizar o suspeito. Na operação, a polícia fez abordagem em quatro casas na região e apreendeu fogos de artifício e rádio-comunicadores que eram utilizados pelos traficantes para alertar sobre a presença da Polícia Militar no local.

A polícia encontrou ainda 990 gramas de cocaína; mais de 950 pinos da mesma droga e um carregador para pistola calibre 380. Em outra residência a polícia encontrou uma pistola 9mm; 140 pedras de crack e 115 gramas da mesma droga. Três homens foram presos e um adolescente apreendido por associação ao tráfico de drogas. Eles foram identificados como Tharles Correia da Paixão, de 20 anos, Jean Pereira da Mota, de 21 anos e Leandro Correia Serafim, de 19 anos.

Drogas apreendidas pela Polícia Civil durante operação

A Polícia Civil informou que Damião permanece foragido. Ele está sendo procurado por tráfico de drogas e associação ao tráfico. A Polícia Civil pede ajuda da população com denúncias anônimas. De acordo com o titular da Delegacia de Homicídios e Proteção a Mulher (DHPM) "Ele é perigoso. Tem antecedentes criminais e ficou evidenciado que ele tem participação efetiva no tráfico de drogas".

Com informações da repórter da TV Vitória, Camila Ferreira.