Motorista frustra assalto em ponto de ônibus e acaba atingido de raspão por um tiro na mão

Polícia

Motorista frustra assalto em ponto de ônibus e acaba atingido de raspão por um tiro na mão

Ele estava acompanhando a esposa, que aguardava um coletivo no ponto que fica no bairro Itapuã, em Vila Velha. A vítima acredita que o criminoso ficou irritado porque pretendia assaltar mulheres que estavam no local e se vingou

Redação Folha Vitória

Redação Folha Vitória
Foto: Divulgação

Um motorista de 52 anos levou um tiro na mão, de raspão, em um ponto de ônibus no bairro Itapuã, em Vila Velha. Ele estava acompanhando a esposa que iria para o trabalho. Uma vizinha também estava no local e esperava para embarcar.

Com medo, ele preferiu não se identificar, mas contou como tudo aconteceu. Disse que já preocupado com a segurança da companheira, decidiu levá-la até o ponto e esperar até que ela embarcasse. Segundo a vítima, o suspeito que passou pelo local, atirou sem falar nada. O motorista acredita que o criminoso tenha se vingado por não conseguir cometer um assalto.

O crime aconteceu por volta das seis e quinze da manhã desta quarta-feira (13). Aposentados que moram nas proximidades do ponto contaram que acordaram assustados com o disparos. 

O motorista disse ainda que ficou desesperado, logo após os tiros. Saiu correndo e pediu ajuda no prédio onde mora. Ele entrou pela garagem e foi socorrido pelo filho para um hospital no município. Uma jovem que estava no ponto quando tudo aconteceu também achou que terminaria baleada pelo bandido.

Leia mais: Homem é baleado após troca de tiros com a polícia em Vitória

A moça, que saiu do Rio de Janeiro e mudou para o Espírito Santo em busca de tranquilidade, agora quer repensar com ir para o trabalho já que no mesmo ponto de ônibus, garantiu que não volta mais.

Segundo moradores, a região está muito insegura, com vários assaltos acontecendo pelo bairro. 

* Com informações da repórter Rafaela Freitas da TV Vitória/Record TV