• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Operação contra suspeitos de divulgar arquivos de exploração sexual de crianças é deflagrada no ES

  • COMPARTILHE
Polícia

Operação contra suspeitos de divulgar arquivos de exploração sexual de crianças é deflagrada no ES

Essa é uma continuação da operação feita em julho que terminou com a prisão de seis pessoas em flagrante

Foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (3) a Operação Save II, da Polícia Federal no Espírito Santo, com objetivo de combater a difusão de arquivos contendo exploração sexual de crianças. 

De acordo com a PF, a ação contou com a participação de 40 policiais, sendo realizado o cumprimento de sete mandados de busca e apreensão em casas e em um apartamento dos investigados.

"O mais importante nesse tipo de combate é a investigação desse crime de compartilhamento na internet. São vários núcleos que se juntam nesse fim e o abusador muitas vezes só existe em função disso", afirmou o chefe da Delegacia de Defesa Institucional da Polícia Federal, Leonardo Rabello Feyo.

A primeira fase da Operação Save, deflagrada no dia 5 de julho, com o cumprimento de nove mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal, na época com a realização de seis prisões em flagrante.

Segundo a polícia, a investigação teve origem na Delegacia de Defesa Institucional, com base em informações fornecidas pela Interpol, dentre outras fontes, como através de monitoramento da rede mundial de computadores.

A investigação teve por fim o combate regional aos delitos de compartilhamento de arquivos com exploração sexual contra criança e adolescente, que vem ocorrendo através de difusão via internet por investigados que vem atuando no Estado.

Os investigados responderão pelos crimes de posse e compartilhamento de arquivos contendo exploração sexual de criança e adolescentes, todos previstos na Lei 8069/90, cujas penas podem variar entre quatro a dez anos de reclusão.