• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Preso suspeito de participação na morte de filha de PM na Serra

  • COMPARTILHE
Polícia

Preso suspeito de participação na morte de filha de PM na Serra

Ele confessou ter participado desse crime e também de outros. A jovem ainda chegou a ficar em coma, mas não resistiu

Foi preso em uma casa, na zona rural de Aracruz, um dos suspeitos de participar da tentativa de assalto que resultou na morte da filha de um sargento da Polícia Militar, no bairro Chácara Parreiral, na Serra. O suspeito foi identificado como Gabriel Pereira dos Santos, conhecido como Biel, de 19 anos. Paula Stange Ribeiro, de 26 anos, foi assassinada no ano passado.

“Durante investigações de crimes de roubo em Coqueiral de Aracruz, a equipe da Delegacia Patrimonial conseguiu identificar que um dos autores do latrocínio ocorrido na Serra estava escondido na zona rural”, afirmou o delegado Leandro Sperandio.

Em depoimento ele confessou ter participado do crime. Com o acusado a polícia encontrou um quilo de maconha. Droga que, segundo a polícia, seria comercializada no município de Guaraná.

A morte de Paula aconteceu em frente à casa da vítima. Ela estava na calçada e esperava o pai retirar o carro da garagem quando três homens chegaram, um deles, segundo a polícia, era Gabriel. Eles anunciaram o assalto e Paula teria gritado pelo pai, que reagiu.

Na troca de tiros, a jovem foi atingida na cabeça. Ela foi internada em estado grave no Hospital Jayme Santos Neves, mas após quase três meses em coma não resistiu e morreu.

Os pais de Paula disseram que acompanham o caso e já tinham conhecimento da prisão de Gabriel. O pai da jovem disse que se sente aliviado, mas a família prefere não conversar sobre o assunto.

Gabriel também confessou ao delegado o roubo de um veículo em abril do ano passado e também um assalto a uma loja de informática na serra, ocorridos na mesma época. Ele foi autuado por latrocínio e tráfico de drogas. Já o roubo do veículo e o assalto a loja de informática serão investigados.