• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Universitário é preso suspeito de participar de tentativa de homicídio contra policial em VV

  • COMPARTILHE
Polícia

Universitário é preso suspeito de participar de tentativa de homicídio contra policial em VV

Além do homem, a esposa dele, que também é universitária, foi presa por policiais da Deten

Um casal foi preso na última quarta-feira (23), no bairro Ilha dos Aires, no município de Vila Velha. Os dois foram detidos por policiais da Delegacia Especializada de Tóxicos e Entorpecentes (Deten). 

Silvio de Paula Pereira dos Santos e Scarlet Nunes são universitários e foram detidos em casa. O homem, que tem 40 anos, é estudante de Direito, e a jovem de 25 anos, cursa Engenharia.

A polícia encontrou com o casal, drogas, dinheiro, joias, celulares, um revólver, munições, uma faca e materiais que indicavam que Silvio trabalha como vigilante. Contra ele, havia um mandado de prisão pelo envolvimento na tentativa de homicídio a um policial civil na semana passada, também em Ilha dos Aires.

“No total, foram cinco executores, sendo um menor e quatro maiores. Na ocasião, dois foram presos pela Delegacia de Crimes Contra a Vida de Vila Velha. O terceiro, ficamos de identificar, que era conhecido como ‘Silvão’. Nessa missão de identificar o Silvio, conseguimos qualificá-lo através de investigações sobre a esposa dele, a Scarlet Nunes. Recebemos a informação de que eles faziam parte do tráfico de drogas em Ilha dos Aires”, disse o delegado Márcio Lucas Malheiros, da Deten.

Na ação que tentou matar o policial na última semana, duas pessoas foram presas no mesmo dia. Silvio representa a terceira prisão deste caso que, de acordo com a polícia, tem mais dois envolvidos que já foram identificados. Um deles é Pablo Vieira de Paula, de 22 anos, mais conhecido como ‘Palhaço’. Contra ele, já há um mandado de prisão pelo envolvimento na tentativa de homicídio do policial, mas ele ainda não foi preso. 

Scarlet foi autuada por tráfico de drogas e associação tráfico, já que foi flagrada com o material na quarta-feira. Já o companheiro, foi preso pelos mesmos delitos, e além deles, responderá pelo crime contra o policial, posse ilegal de arma e receptação.

O delegado acredita que a arma encontrada com o suspeito, possa ser a mesma usada no crime da semana passada. “Temos a informação de que um revólver foi usado na cena do crime, que bate com as características do que encontramos", informou o delegado. 

Silvio e Scarlet foram encaminhados para o presídio. A polícia continua investigando o caso à procura dos outros dois envolvidos.