• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cabo do Corpo de Bombeiros é preso pelo sequestro de criança de 2 anos em Conceição da Barra

  • COMPARTILHE
Polícia

Cabo do Corpo de Bombeiros é preso pelo sequestro de criança de 2 anos em Conceição da Barra

A quadrilha também é acusada de cometer o roubo de cargas no Aeroporto de Vitória e em um mosteiro de Ibiraçu

O cabo do Corpo de Bombeiros Marcelo Veloso de Oliveira, de 44 anos, foi preso na manhã desta quarta-feira (6), no local de trabalho, em Vitória. Segundo a polícia, ele é um dos suspeitos de participar do sequestro da esposa de um empresário, e da filha deles de apenas 2 anos, em Conceição da Barra, no norte do Estado. 

De acordo com os responsáveis pela investigação, os acusados se passaram por policiais e invadiram a casa da família, na última quinta-feira (31). Além deles, um funcionário do empresário, que chegou depois, também foi rendido.

Câmeras de segurança flagraram o momento em que três criminosos chegaram à casa da família. Os policiais contaram que a quadrilha ficou uma hora e meia dentro da residência. Lá, o empresário guardava dinheiro em um cofre. Os suspeitos pegaram a quantia guardada, além de cordão de ouro e joias pequenas, e fizeram com que a família entrasse no carro como se fossem levados para a delegacia. 

Segundo a polícia, o grupo seguiu pela BR 101, em direção à Capital. No meio do caminho, eles libertaram o empresário e um funcionário dele. No entanto, seguiram com a mulher e a criança.

As câmeras de videomonitoramento da praça de pedágio de São Mateus registraram a passagem do veículo utilizado pelos criminosos e denunciaram o envolvimento de uma quarta pessoa. O proprietário do outro veículo, de cor prata, Leandro Martins de Araújo, foi preso na própria casa, em Cariacica. Ele, que dava cobertura aos suspeitos do sequestro, entregou todo o esquema.

A polícia contou que suspeita que o mesmo grupo já tenha assaltado a família anteriormente. No mesmo dia do sequestro, o carro branco usado pela quadrilha foi encontrado e identificado como roubado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), em São Mateus. Ao avistar os policiais, o suspeito que estava no veículo tentou fugir e com isso houve perseguição e troca de tiros.

O motorista conseguiu escapar. Dentro do carro, a polícia encontrou três pistolas, um revólver e um HD externo, com as imagens das câmeras de segurança da residências das vítimas. A mulher e a criança só foram encontradas no final da manhã do dia seguinte ao crime, em um posto de gasolina do município.

O motorista foi identificado como Gabriel dos Santos Filho, de 24 anos. A polícia também está à procura do líder do grupo. José Maria Araújo, de 28 anos, já era acusado de dois roubos ao Mosteiro Zen Vagem Alta, em Ibiraçu, em 2010 e 2011. Ele cumpria pena no complexo penitenciário de Xuri, em Vila Velha, mas havia fugido da prisão em maio. 

Aeroporto de Vitória

Ainda de acordo com a polícia, os suspeitos também estariam envolvidos no roubo de carga da empresa de transporte aéreo Tam (atual Latam), que aconteceu há dois anos. Na época, a quadrilha invadiu o terminal de cargas durante a madrugada. Armados, eles renderam sete funcionários da companhia aérea e fugiram com um carregamento de aparelhos de celular avaliado em R$ 1,2 milhão.