• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Donos de supermercado de Vila Velha são presos por fraude de energia elétrica

  • COMPARTILHE
Polícia

Donos de supermercado de Vila Velha são presos por fraude de energia elétrica

A fraude dentro do medidor foi constatada por técnicos da EDP e peritos da PC

Os proprietários de um supermercado de Ponta da Fruta, em Vila Velha, foram detidos na manhã desta terça-feira (5). De acordo com policiais da Delegacia Patrimonial de Vitória, a EDP Espírito Santo registrou uma ocorrência alegando a fraude. Com isso, os policiais foram até o estabelecimento.

No local, de acordo com os policiais, os peritos da Polícia Civil, junto com técnicos da EDP, constataram que havia irregularidades no medidor de energia. Por conta disso, o casal de proprietários do supermercado foi encaminhado para a delegacia.

Segundo os policiais, os donos serão ouvidos pelo delegado e, por volta das 13 horas, a ocorrência ainda seguia em andamento. Os policiais disseram ainda que existe a possibilidade de uma fiança ser estipulada e, com isso, eles podem ser liberados. 

A EDP Espírito Santo pede que a população contribua e denuncie ligações irregulares. Para isso, informou que disponibiliza canais de atendimento, como o Call Center (0800 721 0707), as Agências de Atendimento ao Cliente e o site www.edp.com.br. O sigilo é total e a inspeção é realizada com a máxima urgência.

Ao contrário do que muitos imaginam, segundo a EDP, o furto de energia elétrica não traz perdas apenas para a concessionária. Os maiores lesados são os próprios consumidores. Como a tarifa abrange também as perdas elétricas, o custo da energia usada irregularmente pelas pessoas que cometem esse crime é parcialmente repassado a todos os usuários da rede.

A concessionária disse ainda que o furto de energia, além de ser uma prática perigosa, pode provocar sobrecarga na rede elétrica com prejuízo para a população que sofre com a falta do fornecimento em suas residências e ruas ou, por exemplo, com danos aos equipamentos elétricos e ainda devido à queda na qualidade da energia.