• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Assaltante é preso após roubar celulares de adolescentes dentro de ônibus na Serra

  • COMPARTILHE
Polícia

Assaltante é preso após roubar celulares de adolescentes dentro de ônibus na Serra

Marlon Bruno Moreira, de 21 anos, embarcou no coletivo, na altura do bairro Porto Canoa, começou a conversar com as vítimas e, logo depois, anunciou o assalto

Adolescente de 15 anos contou que o suspeito sentou ao lado das vítimas, puxou assunto e, logo depois, anunciou o assalto

Um suspeito de assaltar dois adolescentes dentro de um ônibus do Transcol, na Serra, foi preso na tarde desta sexta-feira (24). Marlon Bruno Moreira, de 21 anos, foi reconhecido pelas vítimas, um rapaz de 15 anos e uma jovem de 17, e detido por policiais militares no bairro Parque Residencial de Tubarão.

O assalto aconteceu dentro de um ônibus da linha 811, que seguia de Serra Dourada III para o terminal de Laranjeiras. Segundo a polícia, quando o coletivo passava pelo bairro Porto Canoa, o suspeito entrou e começou a conversar com as vítimas. Em seguida, ele mostrou uma arma falsa, que carregava na cintura, e ordenou que os adolescentes entregassem os celulares.

"Ele até falou que ela não precisava esconder o celular, porque ele não era assaltante. Aí nisso que ele foi puxando um pouquinho de assunto, ele virou e falou: 'eu não quero que vocês façam barulho'. Levantou a camisa, engatilhou o que era uma arma de brinquedo e falou: 'eu quero que vocês me passem o celular de vocês", contou o adolescente.

A jovem de 17 anos contou que Marlon chegou a apontar a arma para as vitimas e fez várias ameaças. "Ele começou a ameaçar a gente, botou a arma na gente, só que a gente não tem noção do que é uma arma de mentira e uma arma de verdade. Podia ter sido uma arma de verdade mesmo. Então ele simplesmente pegou o celular da gente, perguntou onde a gente morava e começou a ameaçar a gente. Depois ele desceu e falou que era menor e que se a gente viesse aqui [na delegacia] fazer a denúncia, ele ia atrás da gente e ia matar a gente", disse.

Suspeito foi levado para a Delegacia Regional da Serra, onde foi autuado por roubo

Os adolescentes seguiram no ônibus e foram até a 3ª Companhia do 6º Batalhão da Polícia Militar, no bairro Barcelona, onde comunicaram o ocorrido aos PMs. Em uma busca pela região, a polícia encontrou o suspeito pouco tempo depois.

"A gente deu as descrições e começamos a rodar. Foi quando, em questão de cinco minutos que a gente estava andando, a gente o viu. Aí eles [os policiais] desceram, deixaram a gente dentro da viatura, foram lá e abordaram ele e realmente nossos celulares estavam lá. Graças a Deus a gente conseguiu recuperar os celulares e está todo mundo bem", disse o adolescente de 15 anos.

De acordo com a Polícia Militar, Marlon ainda tentou resistir à abordagem e fugir do local, mas foi contido e detido pela equipe de militares. Com o suspeito foram entrados os dois aparelhos celulares roubados no ônibus e um simulacro de arma de fogo.

A arma falsa e os celulares das vítimas foram apreendidos com o suspeito e levados para a delegacia

Marlon foi encaminhado para a Delegacia Regional da Serra, em Laranjeiras, onde foi autuado por roubo. Diante do medo de passar pela situação novamente, a estudante prefere mudar o itinerário que faz todos os dias.

"Falei com meu tio que eu estou morrendo de medo e que eu prefiro pegar outra linha. Isso acaba atrapalhando, porque, para voltar para casa, eu tenho que ir para outro bairro para poder pegar outra linha, de um outro bairro, temporariamente. E se ele voltar atrás da gente e querer matar a gente?", questionou a jovem.