• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Segurança é morto a tiros na rua onde morava, em Cariacica

  • COMPARTILHE
Polícia

Segurança é morto a tiros na rua onde morava, em Cariacica

A vítima tentou fugir, mas acabou sendo atingido por oito disparos de arma de fogo

O segurança Rafael Jesus de Mendes, de 31 anos, foi assassinado na rua onde morava, no bairro Parque Gramado, em Cariacica, na noite deste sábado (18). Minutos antes do crime, a mãe de Rafael esteve com ele e chegou a ouvir os tiros que mataram o próprio filho, mas não imaginava que ele quem seria a vítima dos disparos.

"Ele tinha saído para comprar umas coisas para fazer um lanche em casa. Quando ele chegou, entregou a sacola para minha neta e saiu novamente. Após alguns, minutos eu ouvi os disparos. Sai e perguntei o que tinha acontecido para um vizinho, que veio e abraçou a minha nora e aí eu vi que era com meu filho. Minha nora desmaiou e eu me desesperei. Estou até agora sem acreditar", contou a cozinheira Célia Vieira Manga, mãe da vítima.

Segundo testemunhas, Rafael estava passando na rua de casa quando um dos suspeitos se aproximou. Rafael conseguiu correr e invadiu um terreno próximo, mas os criminosos foram atrás dele. A vítima tentou pular o muro, mas acabou atingido por oito disparos e morreu na hora. De acordo com a mãe, Rafael já teve envolvimento com o tráfico de drogas, mas afirma que há dois anos não tinha conhecimento do contato dele com traficantes.

"Um tempo atrás ele era envolvido com o tráfico, mas ele parou. Não sei se é disso agora. Quem morreu fui eu. Estou morta desde ontem. Não vou viver sem ele. Ontem ele almoçou e veio para cá e dormiu a tarde toda. Quando acordou foi ao supermercado. Nunca imaginei que isso fosse acontecer", afirmou a mãe.

Rafael era casado e deixa três filhos. Duas meninas de nove e cinco anos e um menino de três anos.