• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Cinegrafista é preso em Vitória por produzir e divulgar conteúdo pornográfico com crianças

  • COMPARTILHE
Polícia

Cinegrafista é preso em Vitória por produzir e divulgar conteúdo pornográfico com crianças

Segundo a polícia, Sérgio Vianna Vescovi, de 65 anos, é suspeito de abusar de crianças entre 8 e 10 anos, filmar as relações e divulgar as imagens pela internet

Sérgio foi preso no apartamento dele, em Tabuazeiro, na manhã desta segunda-feira

Um cinegrafista autônomo foi preso na manhã desta segunda-feira (11), no bairro Tabuazeiro, em Vitória, suspeito de produzir, armazenar e distribuir vídeos e fotos de crianças e adolescentes com conteúdos pornográficos. Sérgio Vianna Vescovi, de 65 anos, é apontado pela polícia um dos grandes fornecedores desse tipo de material no Espírito Santo.

Segundo a polícia, Sérgio é suspeito de abusar sexualmente de crianças com idades entre 8 e 10 anos, filmar as relações e depois divulgar as imagens pela internet. Ele foi preso por policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), no apartamento em que ele mora.

Os policiais chegaram até o suspeito a partir informações obtidas por meio do disque-denuncia. Um mandado de busca e apreensão foi expedido na semana passada e cumprido nesta segunda.

No momento em que a Polícia Civil chegou até o local, o suspeito tentou jogar pela janela HDs e pen drives contendo imagens de pornografia infantil. Na casa de Sérgio, a polícia encontrou um estúdio de filmagens, com câmeras, tripé, entre outros objetos. 

"Ele usava isso para produzir vídeos e filmes de crianças e adolescentes em cenas de sexo. Inclusive ele participava de alguns desses vídeos, o que é ainda mais chocante, chama bastante atenção. Ele participava de cenas sexuais com crianças e adolescentes de forma bastante cruel. Algo que merece toda a repulsa da sociedade", frisou o titular da DPCA, delegado Lorenzo Pazolini.

Polícia encontrou câmeras, fitas K7 e até DVDs infantis no apartamento do suspeito

No entanto, o que mais chamou a atenção dos policiais foram DVDs infantis, brinquedos e até um bebê conforto, utilizado para transportar crianças em carros. O detalhe é que o suspeito mora sozinho e não possui filhos.

"O que indica certamente que ele já vinha praticando esse crime há bastante tempo. Ele usava todo esse material para aliciar crianças. Então, inicialmente, ele colocava um DVD infantil, um desenho, e, a partir daí, ele ia interagindo com a criança e consumando esses crimes nefastos", destacou Pazolini.

Para jornalistas, Sérgio desconversou e não admitiu o crime, mas disse que tinha sim imagens de pornografia infantil. No entanto, em um vídeo feito pelos policiais da DPCA, Sérgio confessa os abusos. No depoimento, ele diz ainda que pratica os abusos e filma há cerca de um ano.

O delegado acredita que, com a divulgação das imagens de Sérgio, ele pode ser reconhecido pelas vítimas, que a polícia agora está tentando identificar. "Nós temos certeza que outras vítimas irão nos procurar e relatar os fatos e a pena dele certamente será aumentada", ressaltou Pazolini.

O suspeito foi autuado por produzir, armazenar e divulgar imagens de pornografia infantil. O delegado ainda busca provas para autuá-lo também por estupro. Sérgio foi levado para o Centro de Triagem de Viana.