• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Lavrador é preso por estuprar enteada de 16 anos durante cinco anos em Castelo

  • COMPARTILHE
Polícia

Lavrador é preso por estuprar enteada de 16 anos durante cinco anos em Castelo

Ele teve a prisão preventiva decretada pela Justiça e foi detido próximo à rodoviária do município de Venda Nova do Imigrante. A vítima foi violentada dos 11 aos 16 anos, e denunciou o crime em 2016

Na tarde desta quinta-feira (14), a Polícia Civil de Castelo prendeu um lavrador de 33 anos suspeito de ter estuprado a enteada durante cinco anos, desde que a adolescente tinha 11 anos. Ele teve a prisão preventiva decretada pela Justiça do município e foi detido durante próximo à rodoviária de Venda Nova do Imigrante. O caso era investigado desde junho de 2016.

De acordo com o titular da Delegacia de Castelo, Marcelo Meurer Ramos, a mãe da vítima procurou a polícia para denunciar o crime. “Com riqueza de detalhes, a vítima contou que vinha sendo violentada sexualmente há cerca de cinco anos, ou seja, desde os 11 anos de idade pelo próprio padrasto”, conta.

No dia na denúncia, a vítima foi encaminhada para realizar um exame de corpo delito, que comprovou a conjunção carnal. A mãe foi questionada sobre o crime e contou que não tinha conhecimento dos abusos. Quando soube, passou a pressionar o marido, ameaçando acionar a polícia, e ele confessou o crime.

“Diante do depoimento da vítima e da mãe, representei pela prisão preventiva dp lavrador, e a Justiça deferiu. Após várias diligências para localizá-lo, os policiais civis lograram êxito em encontrar e prender o suspeito”, completa o delegado. O lavrador foi encaminhado para a Penitenciária de Xuri, em Vila Velha (Xuri).