• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Presa quadrilha suspeita de roubar cargas em rodovias do ES

  • COMPARTILHE
Polícia

Presa quadrilha suspeita de roubar cargas em rodovias do ES

Segundo as investigações, o grupo cometeu pelo menos três assaltos, ocorridos em dezembro de 2016, janeiro e maio deste ano

Ediclei, Kelvin e Marcelo são suspeitos de participar de três assaltos em rodovias no Espírito Santo

Três integrantes de uma quadrilha especializada em roubar cargas no Espírito Santo foram presos em Viana. Kelvin Briere Lyra, de 22 anos, apontado como o chefe da organização criminosa, e Ediclei Lucindo de Jesus, de 25, foram detidos nesta terça-feira (12). Já Marcelo Gomes foi preso na semana passada.

De acordo com o delegado Nilton Abdala, da Delegacia de Roubo a Cargas, o trio é suspeito de envolvimento em pelo menos três assaltos a cargas em rodovias do Espírito Santo. Os crimes, segundo as investigações, aconteceram em dezembro de 2016 e janeiro e maio deste ano.

Robson Barros Pinheiro segue foragido

O delegado informou ainda que um homem identificado como Robson Barros Pinheiro também é suspeito de integrar a organização criminosa, mas está foragido. Segundo Abdala, cada um dos envolvidos possuía uma função especifica dentro da organização criminosa e o tipo de carga era sempre a mesma: produtos alimentícios.

De acordo com o delegado, os suspeitos sempre agiam com violência e utilizando armas de grosso calibre. Nilton Abdala destaca ainda a importância da prisão da quadrilha. 

"Prendendo essa organização criminosa, as empresas de outros estados vêm para cá e instalam suas empresas. Isso fomenta emprego, fomenta a circulação de bens. Essa é a relação abstrata que uma prisão dessa pode nos trazer", frisou.

Ainda segundo o delegado, todos os envolvidos possuem passagem pela polícia por roubo. A investigação agora é para saber quem seria o receptador dos produtos que foram roubados.

"Quem fomentar o roubo de carga e receptar essas cargas roubadas, nós, junto com a Secretaria da Fazenda, iremos encaminhar o pedido para cassar o CNPJ dessas empresas que receberem cargas roubadas", ressaltou Abdala.

Ediclei, Kelvin e Lucindo estão presos no Centro de Triagem de Viana. Eles vão responder pelos crimes de roubo de carga e organização criminosa. 

Quem tiver qualquer informação que leve a polícia até Robson Barros Pinheiro, deve acionar o disque-denúncia, por meio do 181. Não é preciso se identificar.