• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ao lado de Alckmin, França é aplaudido por prefeitos durante evento

  • COMPARTILHE
Política

Ao lado de Alckmin, França é aplaudido por prefeitos durante evento

Em meio a um público composto por 100 prefeitos paulistas, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, participa na manhã desta segunda-feira, 19, ao lado do vice, Márcio França, de um mutirão de assinaturas de convênios entre municípios. Ao ser anunciado para discursar, França foi fortemente aplaudido e saudado como "nosso governador".

Após o prefeito da capital, João Doria, ser escolhido candidato do PSDB para o governo estadual, o governador evita criar desconforto com França, que assumirá o Palácio dos Bandeirantes em abril e também já está na disputa pela sucessão estadual.

Nos discursos, secretários de Alckmin aproveitaram para tecer elogios a França. O secretário da Saúde, David Uip, disse que ele tem "total competência" para assumir o governo. Também há declarações de apoio à candidatura de Alckmin ao Planalto. O prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), disse que o tucano levará o modelo de gestão do Estado para todo o País.

Os prefeitos fazem fila no Palácio dos Bandeirantes para assinar os convênios. São 1.126 contratos para destinar R$ 110 milhões em diversas áreas.

A cerimônia nesta manhã destaca a área social entre os convênios. Alckmin e França, ao lado de suas esposas, Lu Alckmin e Lúcia França, respectivamente, assinam parceria para destinar kits de costura a 139 Escolas de Modas, vinculadas ao Fundo Social de Solidariedade, presidido por Lu Alckmin, em 112 cidades. Além disso, anunciam recursos da Defesa Civil para obras em áreas de risco.

Mais cedo, Alckmin afirmou que estará junto com Doria na campanha, mas também disse que França está preparado para assumir o governo de São Paulo, reconhecendo que terá dois palanques no Estado.