• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Rodney Miranda confirma filiação ao PRB

  • COMPARTILHE
Política

Rodney Miranda confirma filiação ao PRB

A mudança acontece horas depois da oficialização da posse da deputada federal Norma Auyb como nova presidente estadual do Democratas, partido antes comandado pelo secretário estadual de Desenvolvimento Urbano

O que antes era apenas especulação se confirmou nesta quarta-feira (28): o secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e ex-prefeito de Vila Velha, Rodney Miranda, se filiou ao PRB. A mudança acontece horas depois da oficialização da posse da deputada federal Norma Auyb como nova presidente estadual do Democratas, partido antes comandado por Rodney.

Em São Paulo para concluir sua filiação, o secretário explicou os motivos para ter escolhido o PRB e ressaltou que deve ser mesmo candidato a uma das 10 vagas a deputado federal no Estado.

"Acabei de sair de uma reunião com o Marcos Pereira, presidente do partido. Escolhi o PRB pelo projeto que me foi apresentado, quis definir logo para não deixar as especulações aumentarem. Estou feliz com o que me foi apresentado, principalmente com a filiação do Flávio Rocha para disputar as eleições presidenciais", frisou ele, ao falar sobre a filiação do empresário, dono da Riachuelo.

A forte ligação que tem com nomes fortes do partido aqui no Estado, como Roberto Carneiro (presidente estadual) e Devanir Ferreira (ex-presidente estadual), também foi determinante para a escolha de Rodney. Casa do deputado Amaro Neto, que deve concorrer a uma vaga ao Senado, o partido vem se fortalecendo para conquistar o maior número de cadeiras na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa.

"Vamos trabalhar nesse sentido [de fortalecer o partido]. Eu estou trazendo um bom grupo que vai se somar ao PRB, devo conseguir trazer uns cinco prefeitos, alguns que estão no DEM e outros que iriam para o partido por influência minha. Tenho certeza que chegaremos muito competitivos ao Senado, Câmara e Assembleia".