• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Temer diz que deputados médicos no Legislativo buscam a saúde do País

  • COMPARTILHE
Política

Temer diz que deputados médicos no Legislativo buscam a saúde do País

Em uma cerimônia para marcar a despedida de Ricardo Barros no ministério da Saúde, o presidente Michel Temer - que entregou insígnias da Ordem do Mérito Médico para diversos parlamentares - disse que aqueles médicos que optam pela vida política ajudam ainda mais o País.

"Todos aqueles que se dedicam a medicina prestam um serviço relevante ao país, mas particularmente aqueles que são médicos-deputados e senadores, que se dedicam a medicina, praticam não só a busca da saúde dos indivíduos, mas no particular, estando no Legislativo, buscam a saúde do País", afirmou.

Temer chegou à cerimônia acompanhado de Barros, do ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra; e do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, que, no entanto, deixou o evento enquanto os agraciados faziam discursos. O presidente, que fez a fala de encerramento, optou por um curto discurso de pouco mais de três minutos.

O presidente afirmou ainda que o ministro da Saúde que foi o responsável pela iniciativa do evento de hoje. Barros negou que a cerimônia fosse um palanque para a sua despedida.

Honraria

A medalha de Ordem do Mérito Médico, criada em 1950, é entregue aqueles que se destacaram "por ações notáveis" na área da saúde.

Na cerimônia de hoje, dos 49 condecorados 32 dos homenageados eram parlamentares, entre eles os deputados André Fufuca (PP-MA) e Lelo Coimbra (MDB-ES) e Marcos Montes (PSD-MG). O ministro Osmar Terra, que vai deixar o cargo nos próximos dias para tentar um novo mandato na Câmara, também recebeu a medalha.

Em seu discurso, Terra afirmou que tinha orgulho de ter feito parte do governo. "Em pouco tempo vamos estar fora do ministério por motivos eleitorais, mas temos muito orgulho de ter feito parte. Em todos os níveis você fez um grande trabalho e temos muito orgulho de servir ao seu lado". Na cerimônia houve ainda uma homenagem póstuma ao médico Ivo Pitanguy, morto em 2016, aos 93 anos.

Despedida

Barros usou a cerimônia de entrega das medalhas para fazer um balanço da gestão de sua pasta e agradecer ao presidente Temer. "Agradeço pela oportunidade e hoje me despeço do cargo", disse Barros, que deixará o posto para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados pelo PP do Paraná. "Tenho certeza que o futuro ministro terá importantes tarefas", disse Barros.