• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Secretários de Administração do ES vão se reunir para discutir melhorias na gestão

  • COMPARTILHE
Política

Secretários de Administração do ES vão se reunir para discutir melhorias na gestão

Um estudo aponta que a capital capixaba é a 15ª melhor do país no quesito gestão pública. Em relação aos gastos, Marataízes ocupa o primeiro lugar no ranking

Secretários Municipais de Administração do Espírito Santo vão se reunir para discutir melhorias na gestão de seus municípios. O encontro, que acontecerá em razão do Fórum Estadual de Secretarias de Administração do Estado do Espírito Santo (Fesmad), contará com a apresentação inédita do Índice de Governança Municipal (IGM) criado pelo Conselho Federal de Administração (CFA) para qualificar o grau de assertividade das políticas públicas praticadas pelas prefeituras de todo o Brasil. O evento será realizado na próxima quinta-feira (13), a partir das 9 horas, no Bourbon Vitória Residence Hotel, na Praia de Camburi.

O índice avaliou os municípios brasileiros e é possível fazer um recorte da situação do Espírito Santo. A capital Vitória, por exemplo, ocupa o 15º lugar do país no quesito melhor nota na gestão pública. “Nosso objetivo, nesse primeiro momento, é apresentar os dados aos representantes dos municípios, criando um espaço para compartilhamento dos pontos fortes e oportunidades de melhoria. Em segunda instância, pretendemos construir junto com os gestores municipais alternativas para qualificar a administração”, explicou Manoel Carlos Rocha Lima, vice-presidente no Conselho Regional de Administração do Espírito Santo (CRA-ES), autarquia que responde pelo IGM no Estado e também um dos criadores do Fesmad.

O Índice de Governança Municipal reuniu dados disponibilizados pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Foram consideradas informações de áreas como saúde, educação, planejamento urbano, gestão fiscal, habitação, recursos humanos e etc. “Os dados pretendem auxiliar os prefeitos e os secretários na hora de fazer o planejamento estratégico, tornando-se um referencial”, informou Manoel Carlos.

Durante o fórum a apresentação dos dados do IGM será conduzida pela administradora e Conselheira Federal pelo CRA do Rio Grande do Norte, Ione Macedo de Medeiros Salem; e também pelo administrador Rodrigo Neves Moura. Ambos são integrantes da Câmara de Gestão Pública do CFA, em Brasília.

Dados do Espírito Santo

No recorte do Espírito Santo, quanto aos gastos e finanças públicas, Marataízes ficou em primeiro lugar como município capixaba com a melhor nota. Em seguida, vem Aracruz, Piúma, Vitória e Mucurici.

Na qualidade da gestão a capital ocupou o primeiro lugar e foi seguida por Viana, Piúma, Aracruz e São José dos Calçados. No recorte do desempenho, Vitória obteve novamente a melhor nota e Anchieta ficou com o segundo lugar vindo, logo atrás, Bom Jesus do Norte, Marechal Floriano e Linhares.