• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Em sessão reaberta, novos requerimentos podem ser apresentados e quórum é zerado

  • COMPARTILHE
Política

Em sessão reaberta, novos requerimentos podem ser apresentados e quórum é zerado

Os novos requerimentos de adiamento da sessão não devem ser aprovados, porém a sua apreciação pode atrasar ainda mais a votação

Brasília - Após atingir o tempo limite de cinco horas previsto no regimento da Câmara, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), teve que encerrar a sessão e convocar uma nova. Com isso, o processo de votação teve que recomeçar, com a possibilidade de apresentação de novos requerimentos e o quórum zerado. A oposição comemorou a abertura da nova sessão.

Os novos requerimentos de adiamento da sessão não devem ser aprovados, porém a sua apreciação pode atrasar ainda mais a votação.

Antes do encerramento da sessão, por volta das 14h, havia cerca de 400 deputados no plenário. Às 14h12, o número caiu para 205. Agora, os deputados precisam registrar o nome novamente para que a base consiga atingir o quórum mínimo de 342 para iniciar a votação.

Nomes de oposicionistas que discursaram na sessão anterior, mas não registraram presença, não serão mais considerados.

Acompanhe a Sessão!

Adesivo

Deputados da oposição estão circulando pelo plenário com um adesivo colado no paletó, na altura do ombro, com a inscrição "Fora Temer" e uma bandeira do Brasil. O desenho é exatamente o mesmo da tatuagem exibida esta semana pelo deputado Wladimir Costa (SD-PA), mas sem o "Fora". O deputado disse na ocasião ter decidido marcar "para sempre" o apoio ao presidente. Mas a tatuagem, garantem, especialistas, é de henna. O adesivo foi distribuído no plenário por integrantes da oposição, em meio a brincadeiras e selfies.