• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Modelo de aquaviário utilizado em Porto Alegre será estudado pela Comissão de Infraestrutura

  • COMPARTILHE
Política

Modelo de aquaviário utilizado em Porto Alegre será estudado pela Comissão de Infraestrutura

Convite para representante do órgão que coordena o sistema no Rio Grande do Sul será feito nos próximos dias. Volta do sistema pode beneficiar a mobilidade urbana de toda a Região Metropolitana

A volta do sistema aquaviário foi a pauta principal da reunião da Comissão de Infraestrutura realizada na manhã desta segunda-feira (28) na Assembleia Legislativa.

Durante discussão sobre as propostas que podem ser implementadas na Grande Vitória, os membros do colegiado citaram o modelo utilizado no Rio Grande do Sul, que atende as cidades de Porto Alegre e Guaíba.

Após a apresentação do projeto do contrato de concessão, feita pelo deputado Amaro Neto (SD), a Comissão decidiu convidar um representante da Fundação Estadual de Planejamento Metropolitano e Regional (Metroplan), órgão responsável pela elaboração e coordenação de programas e projetos do Rio Grande do Sul, para participar de uma reunião.

A data para a visita do representante gaúcho deve ser definida nos próximos dias. Juntamente com ele, será convocado também o secretário de Estado dos Transportes e Obras Públicas do Espírito Santo, Paulo Ruy Carnelli.

“É inadmissível que num trecho tão curto quanto Vitória e Vila Velha, num período em que estão sendo adotadas parcerias importantes com a iniciativa privada, não possamos contar com um sistema aquaviário”, ressaltou o presidente da Comissão, Marcelo Santos (PMDB).

Próxima reunião

Também foi aprovado na reunião da comissão desta segunda-feira (28) a convocação do diretor geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Espírito Santo (DER-ES), Enio Bergoli da Costa, para prestar esclarecimentos na próxima reunião do colegiado, dia 4 de setembro, sobre o possível uso da máquina pública para fins de promoção pessoal.

A Comissão de Infraestrutura é presidida por Marcelo Santos e composta ainda pelos deputados Esmael Almeida, Jamir Malini, Gilsinho Lopes e Amaro Neto.