• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Conselho de Ética mantém decisão que permite Colnago se candidatar a presidência do PSBD

  • COMPARTILHE
Política

Conselho de Ética mantém decisão que permite Colnago se candidatar a presidência do PSBD

O resultado final da nova reunião foi, novamente, 3 votos a 2 pela compatibilidade de exercício simultâneo das funções de governador/vice-governador e dirigente partidário

O Conselho Estadual de Ética Pública se reuniu na manhã desta quarta-feira (25) e manteve a decisão que permite que agentes públicos se candidatem a presidência de partidos políticos no Estado. O resultado final foi, novamente, 3 votos a 2 pela compatibilidade de exercício simultâneo das funções de governador/vice-governador e dirigente partidário.

A manutenção da decisão beneficia Cesar Colnago, vice-governador do Estado e um dos principais nomes na corrida pela presidência estadual do PSDB.

Realizada na última sexta-feira (20), a primeira reunião do órgão - que também não previa conflito nas ações - foi marcada por polêmica, por conta da ausência do conselheiro Edebrande Cavalieri, o mais antigo do colegiado, que teria encaminhado uma carta votando contra a decisão. Todos esses fatores levaram a ONG Transparência Capixaba a protocolar um pedido para que uma nova reunião, contando com a presença de todos os conselheiros, fosse marcada.

Após a reunião, o presidente do Conselho de Ética, Jovacy Peter Filho, se pronunciou. "A reunião de hoje sacramenta a regularidade da última sessão, a legitimidade do resultado e a autonomia que os conselheiros tiveram, inclusive contando com a presença do professor Edebrande Cavalieri compreendendo que o rito foi adequado. Questionamentos fazem parte da democracia, e por isso mesmo o Conselho sai fortalecido de toda essa discussão"

PSDB

A eleição estadual do PSDB acontece no próximo dia 11 e vem dividindo o ninho tucano. Apesar de nenhuma chapa ter sido anunciada até o momento, Cesar Colnago e Max Filho são os dois principais candidatos ao cargo e, caso não ocorra um consenso, devem se enfrentar nas urnas.

Uma vitória de Colnago, bastante ligado ao governador Paulo Hartung (PMDB), deixaria o partido ainda mais alinhado com os interesses palacianos - isso tudo às vésperas das eleições. Já uma vitória do prefeito de Vila Velha deixaria os tucanos mais independentes para analisar as melhores opções.