• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Secretário do ES é convidado para comandar as investigações da Lava Jato no país

  • COMPARTILHE
Política

Secretário do ES é convidado para comandar as investigações da Lava Jato no país

Eugênio Ricas recebeu o convite do novo diretor da Polícia Federal, Fernando Segóvia. Volta de Ricas à PF, no entanto, ainda depende de liberação do governador Paulo Hartung

O secretário estadual de Controle e Transparência, Eugênio Ricas, foi convidado pelo novo diretor-geral da Polícia Federal no Brasil, Fernando Segóvia, para assumir o cargo de diretor de Investigação e Combate ao Crime Organizado da corporação. Com isso, Ricas ficaria responsável pela coordenação de todas as investigações da PF no país, inclusive da Lava Jato.

O secretário disse que aceitou o convite para assumir o novo cargo, mas ressaltou que seu retorno à Polícia Federal ainda depende da liberação do governador Paulo Hartung. Nesta segunda-feira (12), Fernando Segóvia estará em Vitória, onde participará de uma reunião, no final da manhã, com Eugênio Ricas e Paulo Hartung. "Vamos conversar sobre esse assunto amanhã e, caso haja a liberação por parte do governador, eu assumirei o cargo", afirmou Ricas.

O atual secretário de Controle e Transparência do Estado disse que já trabalhou diretamente com Segóvia, na Polícia Federal do Maranhão, entre 2009 e 2011. Na época, Ricas era o segundo nome no comando da Superintendência da PF naquele Estado, que era chefiada por Segóvia.

Eugênio Ricas está de licença da Polícia Federal desde 2013, quando veio para o Espírito Santo para chefiar a subsecretaria para Assuntos do Sistema Penal, vinculada à Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), em julho daquele ano. No ano seguinte, ele assumiu o comando da Sejus, onde permaneceu até 2016, quando foi para a Secont.

Veja o vídeo: