• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Justiça mantém cassação de Daniel da Açai e prefeito de São Mateus promete recorrer da decisão

  • COMPARTILHE
Política

Justiça mantém cassação de Daniel da Açai e prefeito de São Mateus promete recorrer da decisão

A decisão do órgão, tomada no fim de outubro, condenou Daniel e Doutor Zé Carlos, o vice-prefeito, pelo crime de abuso de poder econômico

O prefeito de São Mateus, Daniel da Açai (PSDB), demonstrou muita tristeza com a decisão tomada na noite da última segunda-feira (4) pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES), que rejeitou os embagos declaratórios dele e de seu vice-prefeito, o Doutor Zé Carlos (PMDB).

A decisão do órgão, tomada no fim de outubro, condenou Daniel e Doutor Zé Carlos pelo crime de abuso de poder econômico. Segundo o TRE, o crime ficou configurado quando houve a distribuição de água e caixas d'água aos moradores da cidade durante a crise hídrica, fato que teria interferido no resultado das eleições municipais. Inicialmente, os dois foram considerados inelegíveis por oito anos, mas o novo parecer exclui o vice-prefeito dessa decisão.

Daniel da Açai deve deixar a prefeitura até a próxima segunda-feira. Intenção do prefeito é recorrer

"O resultado dessa sentença me pegou de surpresa porque eu não fiz nada de errado e não concordo com o essa decisão. No entanto, como essa é uma determinação da Justiça vou cumpri-la sem problemas. Fico muito triste por a periferia perder o representante deles no município", disse o prefeito.

A publicação desses embargos deve ser publicada pelo TRE até a próxima segunda-feira (11), obrigando o prefeito a deixar o cargo imediatamente após a publicação. A única forma que o tucano tem de se manter no cargo é entrando com recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), instância superior.

"Já conversei com meu advogado e vou recorrer da decisão até quando eu puder", frisou.

Novas eleições

Caso nenhuma mudança ocorra, novas eleições devem ser marcadas para o município. A data, no entanto ainda não foi confirmada.