• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Tragédias, acidentes e protestos marcaram os 11 anos do Folha Vitória

folha vitória 11 anos

  • COMPARTILHE
Geral

Tragédias, acidentes e protestos marcaram os 11 anos do Folha Vitória

Os principais fatos de repercussão nacional e regional ganharam destaque em coberturas especiais ao longo dos 11 anos de história do Jornal Folha Vitória

Thaiz Blunck

Redação Folha Vitória

O jornal online Folha Vitória comemora o 11º aniversário neste mês de maio e há mais de uma década no ar, cumpre o compromisso de manter o leitor bem informado, com conteúdo de qualidade e gratuito.  Ao longo desse tempo, os principais fatos de repercussão nacional e regional ganharam destaque em coberturas especiais.

Entre os acontecimentos que estão na memória de todos e foram noticiados pelo jornal online Folha Vitória, destacam-se: caso Isabella Nardoni, acidente com o Airbus A-330, incêndio na boate Kiss, crise na Segurança Pública do Espírito Santo e diversos acidentes registrados nas rodovias capixabas que, de alguma forma, impactaram, mobilizaram ou comoveram a população. 

2008

Em março de 2008, o assassinato da menina Isabella Nardoni, de 05 anos, comoveu os brasileiros. Ela morreu após cair da janela do 6º andar, no edifício onde morava o pai, Alexandre Nardoni, a madrasta, Anna Carolina Jatobá, e os dois irmãos. Na época, o pai e a madrasta afirmaram que uma outra pessoa, não identificada, teria invadido o local e jogado a menina. No entanto, peritos da Polícia Civil confirmaram que Isabella foi espancada e esganada dentro do apartamento, antes de ser jogada. Ao comprovar que não existia uma outra pessoa na residência na noite da morte, Alexandre e Anna foram presos acusados do crime e permanecem na cadeia até hoje.

No mesmo ano, em outubro, Eloá Cristina, de 15 anos foi morta a tiros após ser mantida sob cárcere privado pelo ex-namorado, Lindenberg Alves. por cerca de 100 horas, em Santo André, na Grande São Paulo. Após ser preso, ele assumiu a autoria de pelo menos um dos disparos contra Eloá em um vídeo. O capixaba Marcos Do Val se pronunciou sobre o sequestro e afirmou que o fim trágico já era esperado.

2015

Em 2015, o corpo da jovem Ana Clara Cabral, de 19 anos, foi encontrado às margens da Rodovia do Contorno, em Cariacica. A princípio, o soldado informou que foi abordado por dois homens armados ao sair de um motel, que o renderam e roubaram o carro, levando a namorada. 

No entanto, policiais confirmaram que as marcas indicavam que os disparos teriam sido feitos de dentro para fora do veículo. No mesmo dia, o policial indicou a localização do corpo da jovem e foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa para prestar depoimento sobre o crime. Ele foi indiciado por homicídio duplamente qualificado e ocultação de cadáver. 

2017

Em setembro, a médica Milena Gottardi Tonini Frasson, de 38 anos, foi baleada em um assalto em Vitória. Ela chegou a ser socorrida e foi internada em um hospital particular da Capital, mas morreu no dia seguinte. Dois dias após o crime, dois suspeitos foram detidos: Dionathas Alves Vieira, acusado de ser o executor do crime, e Bruno Rodrigues Broero, apontado pela polícia como o responsável por conseguir a moto utilizada por Dionathas no dia do assassinato. Uma semana após o assassinato, o ex-marido da médica, Hilário Frasson, foi preso na Chefatura da Polícia Civil. No mesmo dia, o pai dele, Esperidião Carlos Frasson, apontado como outro mandante, e Valdecir, acusado de ser um dos intermediadores, também foram presos. 

No mesmo ano, em outubro, o desaparecimento da menina Thayná Andressa de Jesus Prado, de 12 anos, foi mais um caso que comoveu e mobilizou os capixabas. Vários protestos marcaram a luta da mãe, Clemilda Aparecida, de 31 anos, que ficou em busca de respostas. Ela desapareceu após ir até um supermercado e após muitas buscas, a polícia encontrou uma ossada e um vestido, nas proximidades de Viana, que foi reconhecido pelo padrasto de Thayná como sendo da menina. O acusado de sequestrar a estudante foi preso na noite do dia 12 de novembro. Ademir Lúcio Ferreira Araújo, de 55 anos, foi encontrado sozinho em uma praça pública, localizada no Centro de Porto Alegre. Após a prisão, a polícia ainda gravou um vídeo com a versão dele sobre o caso.

TRAGÉDIAS AÉREAS 

2007

Dois meses após a estreia, o jornal online Folha Vitória fez a cobertura completa de um dos maiores acidentes aéreos da história do País: a queda do Airbus A-320 da TAM, que fazia o vôo JJ-3052, procedente de Porto Alegre e vitimou quase 200 pessoas. O acidente aconteceu no dia 18 de julho, por volta das 18h50, quando o avião não conseguiu pousar na pista molhada do Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, e explodiu ao se chocar contra um depósito da TAM Express e um posto de combustíveis.

Com o impacto, a aeronave ficou completamente destruída e todas as 187 pessoas a bordo morreram, além de outras 11 que estavam no edifício e um taxista que estava próximo ao local, totalizando 199 vítimas. O Corpo de Bombeiros retirou 180 corpos escombros e do interior da aeronave e interditou 27 casas ao redor da área por precaução.

2009

Em 2009, uma outra tragédia envolvendo um avião deixou o País de luto. No dia 31 de maio, o Airbus A-330 da Air France caiu no Oceano Atlântico quando fazia a ligação Rio de Janeiro-Paris com 228 pessoas a bordo. Todos os passageiros, entre eles, 59 brasileiros, morreram na tragédia. O oceanógrafo capixaba Leonardo Veloso Dardengo, de 31 anos, também estava no voo. O corpo dele foi resgatado quase dois anos após o acidente, no fundo do Oceano Atlântico.

2016

Em novembro de 2016, o avião da companhia aérea Lamia, da Venezuela, que levava a delegação da Chapecoense para a disputa da primeira final da Copa Sul-Americana, na Colômbia, caiu antes de chegar ao seu destino. A tragédia deixou 71 mortos, incluindo quase todo o elenco do time catarinense, além de jornalistas e tripulantes, e apenas 6 sobreviventes.

Durante o mês, a Chapecoense ainda foi declarada como campeã da Copa Sul-Americana 2017. O Atlético Nacional-COL, rival da equipe catarinense na decisão, abriu mão da conquista e pediu à Conmebol que o título ficasse com a Chape. O gesto nobre comoveu os brasileiros que mostraram um carinho especial pelos colombianos após a decisão.

OUTRAS TRAGÉDIAS

2009

Em janeiro de 2009, a modelo Mariana Bridi Costa, de 20 anos, morreu vítima de complicações advindas de uma infecção urinária. Ela ficou internada em um hospital da Serra, teve os pés e as mãos amputados e durante 22 dias lutou contra a morte em um leito da Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A morte da jovem ganhou repercussão internacional nos Estados Unidos, Japão e Índia. 

2013

O ano de 2013 começou com todas as atenções voltadas para o Rio Grande do Sul, quando mais de 240 pessoas – a maioria jovens - morreram após um incêndio na boate Kiss, em Santa Maria.A tragédia aconteceu em janeiro e causou comoção nacional e grande repercussão nacional. O caso acendeu um alerta também no Espírito Santo onde, na época, apenas oito casas noturnas na Grande Vitória possuíam alvarás de licença do Corpo de Bombeiros em situação regular. Para proporcionar mais segurança aos frequentadores, algumas boates apostaram em uma tecnologia italiana, que colocou um fim às comandas na intenção de facilitar a saída dos clientes.

ACIDENTES

2008

Em agosto de 2008, seis pessoas morreram e 29 ficaram feridas em um acidente no quilômetro 40, da Rodovia BR-262, entre os trevos de Campinho e Santa Isabel, em Domingos Martins. O ônibus que seguia do balneário de Guarapari para Belo Horizonte tombou na pista e foi para a contramão, atingindo três carros. Com o impacto da batida, algumas vítimas fatais foram arremessadas para fora do coletivo e ais de 15 ambulâncias e vários carros de resgate foram disponibilizados para dar apoio no resgate.

2011

Em dezembro de 2011, uma pessoa morreu e outras seis ficaram feridas em um grave acidente na BR-101 Sul, nas proximidades do Trevo de Guarapari. Um carro de passeio com quatro ocupantes bateu de frente com uma caminhonete que seguia com três pessoas. A Miss Brasil 2010, Débora Lyra, estava entre os feridos e foi socorrida em estado grave para o hospital São Lucas, em Vitória. Ela passou por uma cirurgia e precisou retirar o baço.

2012

Em abril de 2012, cinco jovens universitários de São Mateus desapareceram durante uma viagem para Prado, no Estado da Bahia. Os corpos de Rosaflor Oliveira Chacon, Amanda Oliveira, Marllonn Amaral, Izadora Ribeiro e Andre Galão, foram encontrados mortos quatro dias após deixarem o Espírito Santo, em uma ponte que passa sobre o Rio Mucuri, na Bahia. O caso ganhou destaque em sites e jornais de todo o país.

2015

Em fevereiro de 2015, uma explosão no navio-plataforma da Petrobras FPSO Cidade São Mateus, localizado em Aracruz, deixou nove mortos e 26 feridos. O acidente com a embarcação de bandeira panamenha, operado pela norueguesa BW Offshore, terceirizada da Petrobras, foi considerado um dos maiores do setor de petróleo e gás do Brasil.

Em junho de 2015, o Brasil ficou de luto com a morte precoce do cantor sertanejo Cristiano Araújo e da namorada, Allana Moraes, após um grave acidente de carro no interior de Goiás. O carro capotou na BR-153, entre Morrinhos e o trevo de Pontalina e, cantor chegou a receber o primeiro atendimento, mas morreu logo após dar entrada no hospital. Já a namorada do cantor, morreu no local do acidente. O segurança Ronaldo Ribeiro e o empresário Victor Leonardo também  sofreram ferimentos leves.

2017

Em junho de 2017, 23 pessoas morreram em uma batida envolvendo um ônibus interestadual, uma carreta carregada com pedra de granito, uma ambulância e um veículo de transportes. Ao todo, 23 pessoas morreram, a maioria carbonizadas, e o acidente foi considerado o maior em transporte rodoviário do Espírito Santo.

MANIFESTAÇÕES

2011

Em junho de 2011, as Avenidas Jerônimo Monteiro e Getúlio Vargas, em Vitória, se transformaram em um verdadeiro cenário de guerra. Os estudantes pararam a capital em um protesto contra o aumento das tarifas dos ônibus na Grande Vitória e reivindicaram o passe livre para os alunos também. 

Com bombas de fumaça e gás lacrimogêneo, além de tiros de borracha, os policiais conseguiram dispersar os manifestantes. O confronto deixou vítimas não só no local, mas também ao redor. No mínimo cinco alunos que saíam da aula em uma escola pública perto da área do protesto foram parar no Pronto-Atendimento (PA) após sofrerem com o efeito do gás lacrimogêneo. Alguns estudantes precisaram de medicação e soro.

2013

Foto: Everton Nunes

Em 2013, cerca de 100 mil capixabas foram para as ruas e fizeram a maior manifestação já realizada no Espírito Santo. A manifestação, organizada pelas redes sociais, foi realizada em várias cidades do Brasil e contava com reivindicações como a tarifa zero, o fim da corrupção, além de maiores investimentos na educação e na saúde. Na Grande Vitória, o ato começou de forma pacífica, mas acabou em tumulto, saques, vandalismo e muita destruição.

2017

A maior crise de segurança pública da história do Espírito Santo teve início com uma manifestação em frente aos batalhões da Polícia Militar. Em fevereiro de 2017, familiares de militares bloquearam as saídas de viaturas e de policiais das unidades, reivindicando reajuste salarial, pagamento de auxílio alimentação, periculosidade, insalubridade, adicional noturno e valorização dos profissionais. 

Sem policiamento, os dias seguintes foram marcados lojas arrombadas, tentativas de homicídio e um prejuízo de aproximadamente R$ 90 milhões no comércio em todo o Estado. Na tentativa de reverter o cenário, o Comando Geral da Polícia Militar foi trocado pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social. Sem sucesso e diante do caos e com a violência fora de controle, o Governo do Estado teve que pedir ajuda às Forças Armadas para restabelecer a segurança da população e contou com o patrulhamento de 1.850 homens das Forças Armadas e da Força Nacional

DESASTRES AMBIENTAIS

2012

Em maio de 2012, mais de 11 mil pessoas foram afetadas pelas fortes chuvas que atingiram o Espírito Santo. Ao todo, 20 pessoas ficaram desabrigadas e 4.540 ficaram desalojadas, além de outras 49 feridas durante desabamentos e deslizamentos de terra. Os municípios mais atingidos, de acordo com a Defesa Civil, foram: Vila Velha, Cariacica, e Vitória, Capital do Estado.

2015

Em novembro de 2015, uma barragem da Samarco Mineração, localizada no município mineiro de Mariana, se rompeu e deixou casas de um distrito a 23 km da cidade inundadas e cobertas. Um dia depois, a lama dos rejeitos de minério chegou ao Rio Doce e deixou a captação de água suspensa por tempo indeterminado. Três anos após o ocorrido, pescadores de 28 cidades ao longo da bacia do Rio Doce impactados pelo rompimento da barragem, estão sendo atendidos pelo Programa de Indenização Mediada (PIM) da Fundação Renova para fecharem o acordo de pagamento da indenização. Mais de 2,8 mil acordos já foram fechados nos dois estados.

COPA DO MUNDO

Desde a estreia do Folha Vitória, foram duas Copas do Mundo: A de 2010, na África do Sul e 2014, no Brasil. Na primeira, deu Espanha e a festa da vitória em alguns jogos terminou em confusão, em Laranjeiras, na Serra. Na segunda, também não deu Brasil e o vexame do 7x1 ficou para a história dos brasileiros. 

Em 2018, tem mais uma Copa do Mundo e ações preventivas de segurança já estão sendo discutidas pela Prefeitura de Vitória. Os jogos começam no dia 14 de junho e em 24 horas foram vendidos mais de 160 mil ingressos pela Fifa.